Colégio Web

Políticos querem proibir realização de ENEM e concursos públicos aos sábados

Esta proposta foi devidamente aprovada no último dia 7 através da comissão de educação da Câmara dos Deputados.

Publicidade

Recentemente a Comissão de Educação da Câmara dos Deputados divulgou no último dia 7 o projeto de Lei de número 6542/2016 que dispõe sobre a proibição de aplicação de provas do Enem, bem como a realização dos concursos públicos em todo o território nacional aos sábados.

Políticos querem proibir realização de ENEM e concursos públicos aos sábados

O objetivo deste processo é garantir a igualdade de condições para pessoas que por alguns motivos de liberdade de consciência e de crença religiosa se sentem praticamente impossibilitados de comparecer as provas que forem realizadas aos sábados.

Já no último dia 8, o PL foi devidamente recebido pela Comissão de Trabalho de Administração e Serviço Público o CTASP onde aguardou a designação dos relatores.

Novas normas do Enem

Esta é a primeira vez que o Enem será aplicado em dois domingos seguidos, dias 5 e 12 de novembro, e não apenas em um único final de semana, como acontecia até o ano passado.

A mudança acaba por atender a preferência da maioria dos estudantes que respondem a consulta pública e inclusive beneficia os sabatistas que ficam confinados em uma sala por até cinco horas para apenas depois começarem as provas.

Políticos querem proibir realização de ENEM e concursos públicos aos sábados

O projeto de lei já foi aprovado, de acordo com os parlamentares, desta forma será possível garantir que todos os sabatistas e outros estudantes e trabalhadores, que precisarem faltar ao trabalho para fazer a prova não fiquem prejudicados ao realizar o processo.

Ainda segundo os parlamentares as mudanças no Enem ocorreram pois quando os sabatistas iam fazer as provas já estavam cansados tanto física como psiquicamente pelo tempo que estava esperando nas devidas condições. A partir disto, acabavam disputando de forma desigual a realização deste processo.

Todos os jovens devem ganhar com a medida, já que terão uma semana de intervalo para estudar com mais foco no Enem.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados