Colégio Web

Especialistas afirmam que dezembro é o melhor mês para a compra do material escolar

Publicidade

Mês de dezembro é tradicionalmente a hora de escolher e comprar os presentes de natal para toda a família, especialmente para as crianças que aguardam o Papai Noel ansiosamente. Mas este também pode ser o mês ideal para quem deseja economizar com a compra de material escolar.

Especialistas afirmam que dezembro é o melhor mês para a compra do material escolar 2

De acordo com os especialistas, o mês de dezembro é o que mais oferece descontos neste tipo de item. E o motivo é simples: as pessoas ainda deixam a compra do material escolar para a última hora, especialmente para os finais dos meses de janeiro e início dos meses de fevereiro.

De acordo com informações que foram divulgadas esta semana pela Associação Brasileira dos Fabricantes e Importadores de Artigos Escolares, a previsão é que os itens que fazem parte da “cesta básica” das crianças para a escola devam subir 8% a partir de janeiro.

Portanto, pode valer a pena para os pais economizarem um pouco nas compras do dia do Papei Noel para economizar um pouco com estes itens que deverão ser comprados para os estudantes.

Dicas para economizar nas compras do material escolar

Especialistas afirmam que dezembro é o melhor mês para a compra do material escolar

Compre tudo o que conseguir comprar da lista do material escolar no mês de dezembro, já que a previsão é que a grande maioria dos itens subam de preço a partir do mês que vem;

Apesar dos preços estarem menores neste final de ano, é de fundamental importância pesquisar em diferentes lojas. Tente evitar comprar nas lojas que ficam dentro dos shoppings, pois costumam ser as mais caras.

Apesar de dar preferência para as promoções, é importante também sempre ficar de olho aberto para os itens que estão muito mais baratos do que costumam estar.

A máxima de não levar os filhos juntos para a compra do material escolar continua valendo, já que as crianças costumam ser facilmente captadas pelas marcas mais caras.

Cuidado também para não ser passado para trás na lista pedida pelas escolas. As instituições de ensino não podem solicitar itens de uso coletivo, como lousas, giz, material de limpeza, etc.

Por último, verifique a possibilidade de associar-se a outros pais para fazer uma compra coletiva. Geralmente consegue-se bons descontos na compra em quantidade.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados