Colégio Web

Confira a lista de leituras obrigatórias para o vestibular da Fuvest 2016

Publicidade

Para muitos alunos esta época do ano é motivo de comemoração pela conquista de uma vaga na universidade pretendida. Por outro lado também existem muitas pessoas que estão começando neste ano um ciclo de estudos, já iniciando os preparos para o vestibular do próximo ano.

Para quem está querendo concorrer a uma das vagas oferecidas através do vestibular da Fuvest, o mais concorrido do Brasil, uma boa dica para estas férias de verão é investir na leitura dos livros que serão cobrados na prova.

Confira a lista das leituras obrigatórias da Fuvest 2016.

Viagens na minha terra

Confira a lista de leituras obrigatórias para o vestibular da Fuvest 2016

Autor: Almeida Garret

Ano de publicação: 1846

O livro é uma mistura de realidade e ficção que narra uma viagem que realmente aconteceu entre Lisboa e Santarém. Durante o trajeto uma história de amor e tragédia acontece.

 Til

Autor: José de Alencar

Ano de publicação: 1872

Esta obra pertence a chamada fase regionalista de José de Alencar. O livro acabou se tornando um retrato muito interessante da vida rural do século 19.

Memórias de um Sargento de Milícias

Autor: Manuel Antônio de Almeida

Ano de publicação: 1854

A divertida narrativa da chamada “baixa sociedade” do Rio de Janeiro durante o reinado de D João 6º é o tema deste livro que acabou se tornando um dos maiores clássicos da literatura.

Memórias Póstumas de Brás Cubas

Autor: Machado de Assis

Ano de publicação: 1881

Machado de Assis é presente quase que obrigatória nas listas de leituras obrigatórias dos vestibulares das instituições mais concorridas do Brasil. O livro trabalha em cima de temas universais, mas sempre focando a sociedade brasileira. Se utiliza de um recurso narrativo incomum para a época, com a história sendo narrada pelo próprio morto, de trás para frente.

O Cortiço

Autor: Aluísio de Azevedo

Ano de publicação: 1890

Aqui o cortiço acaba realmente sendo o personagem principal da história que destaca aqueles elementos mais sórdidos do ser humano. Aluísio de Azevedo narra as características do local através da estética naturalista.

Capitães de Areia

Confira a lista de leituras obrigatórias para o vestibular da Fuvest 2016 2

Autor: Jorge Amado

Ano de publicação: 1937

A história, a mais famosa do escritor Baiano e que já foi tema de filmes, séries e novelas, conta a história de um grupo de menores abandonados que são chamados de Capitães de Areia. O livro todo é ambientado na cidade de Salvador dos anos 30 e consegue dar um panorama do que era a sociedade de Bahia na época.

A cidade e as serras

Autor: Eça de Queirós

Ano de publicação: 1901

Apesar do tema principal ser a história de um homem que acaba herdando uma grande fortuna de mas que se via feliz apenas longe da civilização, o autor aqui faz da crítica ao progresso técnico e urgente da virada do século 19 para o 20 a sua principal pauta.

Vidas Secas

Autor: Graciliano Ramos

Ano de publicação: 1938

Esta é uma das obras mais reverenciadas quando o assunto é caracterização de uma região por muito tempo abandonada do Brasil, o nordeste. Além da seca, a falta de comunicação entre os personagens também acaba se tornando uma característica marcante da obra.

Sentimento do Mundo

Autor: Carlos Drummond de Andrade

Ano de publicação: 1940

Livro que reúne 28 poemas escritos entre os anos de 1935 e 1940 e que acaba sendo dominado pelo pessimismo que o mundo vivia no período entre guerras.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados