Colégio Web

Elementos predominantes na descrição

Publicidade

5. Elementos predominantes na descrição

Frases enumerativas

São frases que apresentam uma seqüência de nomes, geralmente sem a presença de verbos.

Exemplo:

A cama de ferro; a colcha branca, o travesseiro com fronha de morin. O lavatório esmaltado, a bacia e o jarro. Uma mesa de pau, uma cadeira de pau, o tinteiro, papéis, uma caneta. Quadros na parede.
(Érico Veríssimo)

Adjetivação

É o que caracteriza o elemento descrito, transmitindo suas qualidades, condições e estado.

Exemplo:

A pele da cabocla era desse moreno enxuto e parelho das chinesas. Tinha uns olhos graúdos, lustrosos e negros como os cabelos lisos, e um sorrido suave e limpo a animar-lhe o rosto oval de feições delicadas.
(Érico Veríssimo) 

Figuras de linguagem

São os recursos expressivos. Os mais usados em descrições são: a prosopopéia, a comparação, a metáfora, a prosopopéia, a sinestesia e a onomatopéia.

Exemplo:

O rio era aquele cantador de viola, em cuja alma se refletia o batuque das estrelas nuas, perdidas no vácuo milenarmente frio do espaço… Depois ele ia cantando isso de perau em perau, de cachoeira em cachoeira…
(Bernardo Élis)

Sensações

É o uso dos cinco sentidos: percepções visuais, auditivas, gustativas, olfativas e tácteis.

Exemplo:

Os sonhos se sacodem, berram… Dentro dos sons movem-se cores, vivas ardentes… Dentro dos sons e das cores, movem-se os cheiros, cheiro de negro… Dentro dos cheiros, o movimento dos tatos violentos, brutais… Tatos, sons, cores, cheiros se fundem em gostos de gengibre… (Graça Aranha)

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados