Colégio Web

MEC divulga informações sobre nova política para formação de professores

Ministério quer facilitar acesso ao ProUni e promove base nacional para nortear o currículo.

Publicidade

O Ministério da Educação divulgou uma série de informações relacionadas a nova política para formação de professores que vais ser promovida pelo governo. A ideia basicamente é oferecer uma nova Base Nacional Docente, além de residência pedagógica e ampliação das ofertas do ProUni para os docentes.

MEC divulga informações sobre nova política para formação de professores

O principal objetivo, de acordo com o ministro da educação, Mendonça Filho, é conseguir ampliar consideravelmente a qualidade e o acesso à formação inicial e continuada de professores que participam da educação básica.

“Pesquisas indicam que a qualidade do professor é o fator que mais influencia a melhoria do aprendizado”, disse o ministro. “Isso significa que, independente das diferenças de renda, de classes sociais e das desigualdades existentes, a qualidade do professor é o que mais pode nos ajudar a melhorar a qualidade da educação.”

Confira algumas das principais propostas definidas pelo MEC:

Residência pedagógica

Trata-se de um programa de estagio supervisionado que vai começar a ser oferecido para os estudantes que ainda estão em formação e que poderá ser feito a partir do terceiro ano dos cursos de licenciatura. O governo espera oferecer cerca de 80 mil vagas a partir do próximo ano.

Base Nacional Docente

MEC divulga informações sobre nova política para formação de professores

Trata-se de um documento que irá nortear o currículo de formação de professores no país. Estados, municípios, instituições formadoras e o Conselho Nacional de Educação (CNE) vão colaborar com a proposta.

ProUni

O governo quer também flexibilizar algumas regras do ProUni com o principal objetivo de encontrar estudantes que preencham as vagas que ficam ociosas em praticamente todas as edições dos programas. A partir do ano que vem, quem desejar ingressar em uma segunda graduação poderá participar do programa para cursar licenciatura sem comprovar renda.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados