Colégio Web

Hillary Clinton se candidata à presidência dos EUA

Publicidade

Um anúncio tomou de surpresa o noticiário internacional: a ex-secretária de Estado dos Estados Unidos afirmou que irá se candidatar à presidência do país e que fará o pedido formal junto ao Partido Democrata.

Com isto, os Estados Unidos, que tiveram com a eleição de Barack Obama em 2008 o seu primeiro presidente negro de sua História, agora podem estar prestes a ter a primeira mulher a assumir este cargo.

Um anúncio simples e direto

Hillary Clinton

Há exatos sete anos, Hillary Clinton perdia as primárias de seu partido, o Democrata, para Barack Obama, que viria a se tornar o primeiro presidente negro da História dos Estados Unidos.

No entanto, ao que tudo indica a ex-primeira-dama e ex-secretária de Estado do país mais poderoso do mundo não perdeu o desejo de se tornar a primeira mulher a assumir o cargo de presidente dos Estados Unidos.

E com um anúncio simples e direto que foi feito no último domingo, Hillary Clinton disse com todas as letras e em alto e bom som o seguinte: “Sou candidata è presidência.”.

Hillary afirmou que irá se lançar no processo de primárias internas de seu partido para surgir como candidata oficial democrata na corrida que terá início no ano que vem nos Estados Unidos.

Com isto, Hillary deverá se converter na principal figura do Partido Democrata, e também deverá ser a favorita principal na disputa com qualquer um dos nomes que venha do lado do Partido Republicano.

Liderança nas pesquisas dentro do Partido Democrata

Para reforçar ainda mais o peso de seu nome para as próximas eleições, Hillary Clinton lidera, aos 67 anos de idade, as pesquisas dentro do Partido Democrata (apesar de ser a única pré-candidata do partido até o momento).

Dificilmente os democratas irão apresentar outro nome que tenha o mesmo impacto que o de Hillary (diferentemente de sete anos atrás, quando havia um certo Obama na jogada).

Clinton Hillary

Um apoio de peso

E para ter ainda mais chances de vitória, Hillary Clinton irá contar com o apoio irrestrito do atual presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, que já se manifestou em favor da candidatura dela ao cargo.

Para Obama, Hillary foi uma adversária leal nas primárias internas do partido, e se mostrou extremamente importante e decisiva na busca por votos, ajudando o então candidato a conquistar a tão sonhada vitória.

Portanto, muito provavelmente, nas eleições do ano que vem, devemos ter Hillary Clinton como um dos nomes mais importantes e fortes, com grandes chances de vitória.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados