Colégio Web

Dia de Finados – 2 de Novembro

finados

Publicidade

A celebração do dia de Finados surgiu no século V, quando a Igreja Católica decidiu criar um dia em homenagem aos mortos. Após algum tempo, também foi determinada uma data para ser celebrado este dia, que foi o 2 de novembro, seguido do Dia de Todos os Santos (1º de novembro). Neste dia as pessoas prestam uma homenagem a seus parentes e amigos queridos, indo até os cemitérios levar flores e acender velas nos túmulos. Também são celebradas missas e procissões em memória de todos os mortos. No Brasil, o dia de Finados é feriado nacional. No México, o dia de Finados é celebrado com uma grande festa popular, com desfiles nas ruas de pessoas vestidas de esqueletos e há até encenação de funeral.

A morte representa o fim da vida, seja ela animal, vegetal ou humana. De acordo com o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, no Brasil as maiores representações de morte estão relacionadas à mortalidade infantil. Entre 1991 e 2000 também foram observadas algumas reduções. Mas, precisa-se investir em mais políticas públicas para combater esse mal, já que em outras regiões como Europa e Estados Unidos há mais controle sobre tais mortes.

A simbologia da morte

finados

Celebrar o dia dos mortos implica em respeito às famílias. É um ideal do cristianismo que prega a existência do reino de Deus, local que receberia tais pessoas ao terminarem sua vida aqui na terra. As missas em memória a entes queridos que já faleceram foram iniciadas no século IV. A escolha do dia de finados se deu em consonância com o dia em que celebra a existência dos santos. Em cada país existe uma cultura diferente em relação a essa simbologia, mas o catolicismo foi quem mais influenciou a data, desde o século XI, com os papas Silvestre II, João XVII e Leão IX, que passaram a cumprir rigorosamente tal celebração.

Alguns elementos são muito usados na data: crisântemos, para representar o sol e a chuva, ou a vida e a morte. Os crisântemos são bem resistentes e ficam junto às velas acendidas em menção ao falecido. A crença popular também diz que no dia de finados há chuvas e tempo nublado. Seriam as lágrimas das pessoas que chegaram ao reino de Deus.

Nos cemitérios, muitas flores nos túmulos, velas e missas com orações a todos que perderam alguém na vida. A data acaba sendo um momento de tristeza e de saudade pelas perdas de quem ainda lida com o tema morte. Ainda assim, precisamos respeitar o sentimento das pessoas, especialmente as mais idosas, que enxergam tais rituais com grande importância. E você, o que pensa do dia de finados?

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados