Colégio Web

Você conhece a ROTA?

Publicidade

A Polícia Militar trabalha em função da segurança e estabilidade do Estado, dividida entre diversos batalhões, grupos de combate, pelotões ou companhias, que prestam serviços diferenciados na garantia do bem estar e da segurança pública. Entre esses batalhões, o Batalhão de Caçadores Tobias de Aguiar, conhecido popularmente como ROTA, é um dos maiores destaques no serviço militar paulista. Como uma força militar de patrulhamento ostensivo motorizado, a ROTA participou ativamente de guerras e batalhas nacionais na defesa do estado, como na Revolta da Armada (1894; Trabalhou defendendo a república dos federalistas), na Campanha de Canudos (1897; Responsável pelo último combate do conflito, que derrotou o Reduto de Canudos. Sua participação foi citada no livro “Os Sertões”, de Euclides da Cunha, como “batalhão paulista”), no Levante do Forte de Copacabana (1922; Defendendo as fronteiras do Estado), na Revolução Constitucionalista de 1932 (Luta a favor do Brasil Constitucionalista, contra o governo Vargas), no Golpe Militar (1964; Participaram da derrubada do Presidente da República João Goulart), entre outros eventos históricos. Ainda em atividade, a ROTA atua como um grupo de operações especiais, mais conhecido por ser um batalhão de choque.

ROTA

Sobre a ROTA

A ROTA é uma força tática da Polícia Militar de SP, que trabalha com o policiamento motorizado, exercendo funções como batalhão de choque. Defendendo instituições republicanas no passado, atualmente o batalhão investe na integridade do Estado, operando no controle de distúrbios civis. O Primeiro Batalhão Comando de Policiamento de Choque (1º BPChq) Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (ROTA) é o grande responsável pela combate à guerrilha urbana, trabalhando com policiamento aéreo de alto risco e ações de controle civil. Com 122 anos de existência, sendo criada em primeiro de Dezembro de 1891, o histórico de combate à guerrilha urbana vem da mobilidade e eficácia garantidas pela ROTA, no trabalho com viaturas em serviço pelo Estado.

Características da ROTA

ROTA Polícia

Rafael Tobias de Aguiar, militar paulista que chefiou a revolução liberal de 1842, é o patrono da ROTA. A missão do batalhão é de realizar o patrulhamento ostensivo motorizado, trabalhando com uma média de 120 viaturas e um efetivo de 860 homens. Seu lema é “Dignidade acima de tudo”. Entre seu estilo tradicional, as cores do uniforme dos militares são o cinza e o preto. O “batalhão de caçadores” trabalha para a Polícia Militar do Estado de São Paulo, seguindo a subordinação do Comando Geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados