Colégio Web

Entenda o que é engenharia agrícola

Publicidade

Uma subárea da agronomia, a engenharia agrícola ou agrária abrange as técnicas e o conhecimento necessários para o gerenciamento de processos agropecuários.

O agronegócio é um ramo que sempre está em constante crescimento. Hoje em dia, sem um empreendedor de sucesso da área exige não só um bom gado e uma boa plantação, mas também habilidades de especulação financeira, contato com o comércio de exportação e implantação de tecnologias recentes no sistema de produção.

Para isso é necessário um engenheiro agrícola, um profissional que está presente em todas as áreas do agronegócio, do planejamento de produção à comercialização do produto.

Entre as áreas de atuação do engenheiro estão construção rural, eletrificação, engenharia de água e solos, extensão rural e difusão da tecnologia, mecanização agrícola, planejamento agropecuário e tecnologia pós-colheita.

Características

Engenharia Agricola

A profissão abrange o conhecimento de todas as técnicas que são empregadas no gerenciamento de processos agropecuários.

Um engenheiro agrícola estuda métodos de armazenagem, constrói armazéns e estufas e tem o conhecimento para buscar formas inovadoras de desenvolvimento sustentável. Além disso aprende medidas para impedir erosão, esgotamento de solo e poluição de mananciais.

Pode também construir barragens, açudes e sistemas de irrigação. Em resumo, trabalha da área mecânica e de produção até a distribuição e comercialização de produtos. Sempre há também a opção na área de pesquisas para os interessados na carreira acadêmica e de desenvolvimento de novas tecnologias.

Engenharia agrícola X Agronomia

À primeira vista os dois cursos podem parecer semelhantes. Isso ocorre porque ambos preparam profissionais para atuar na mesma área, embora com diferentes tarefas.

A ênfase da formação do engenheiro agrícola é em matemática e física, já o engenheiro agrônomo irá se aprofundar em biologia e química. A agrícola foi criada para gerar um profissional capaz de lidar com problemas relacionados à aplicação da engenharia no meio rural.

Em resumo, a engenharia agrária é voltada para a parte mecânica da agricultura e a agronomia cuida das atividades de plantio e de produção.

O mercado de trabalho

O Brasil é um dos maiores produtores de alimento do mundo, por isso é também uma grande oportunidade para os profissionais interessados em engenharia agrícola.

A intensa competição entre exportadores de produtos agropecuários e a exigência cada dia maior de certificações que comprovem a procedência dos alimentos e dos animais gerou um aumento da procura por profissionais capacitados.

Agricultura Engenharia

O engenheiro irá encontrar trabalho em usinas de biocombustível, fazendas e cooperativas, centros de pesquisa e instituições de ensino, entre diversas outras alternativas. As maiores oportunidades se encontram em organizações privadas.

No Sudeste, Sul e Centro-Oeste os destaques vão para a área de máquinas e desenvolvimento de produtos. O Nordeste também tem um mercado forte, principalmente nas áreas irrigadas, como em Pernambuco e na Bahia.

O curso

Com duração média de cinco anos, o curso dá ênfase principalmente nas ciências exatas, como cálculo, física e química. Além disso, o estudante recebe formação no estudo dos solos e também em computação.

Os dois primeiros anos fornecem a formação básica. A partir do terceiro é que começam a aparecer matérias específicas que darão forma à formação profissional do engenheiro.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados