Colégio Web

Engenheiro Militar

Publicidade

Muitas pessoas adoram o ramo da engenharia e do militarismo. Imagine, então, fazer uma junção com as duas áreas? Você faz ideia do que faz uma Engenheiro Militar? Bem, esse profissional é responsável por dar total apoio nas atividades de combate dos exércitos dentro do sistema MCP (Mobilidade, Contramobilidade e Proteção).

Sendo assim, ele pode trabalhar ajudando na construção de pontes, campos minados, estradas, entre outros. Ele também está entre os responsáveis por se encarregar da destruição dessas mesmas montagens, evitando a entrada do inimigo e ainda buscando sempre aumentar o poder defensivo por meio de construção ou também o melhoramento de estruturas de defesa. Além disso, ele ainda presta missões clássicas de apoio ao combate em situação de guerra e atua colaborando na solução de problemas de infra-estrutura do desenvolvimento nacional.

Como se tornar um Engenheiro Militar

Militar Engenharia

Para se tornar um Engenheiro Militar, é necessário ser formado em engenharia e prestar um concurso para assim poder entrar nas Forças Armadas e alcançar o sonho. Ao passar neste devido concurso, a carreira é extremamente promissora.

Para o Engenheiro Militar, não basta apenas ter os conhecimentos da área de engenharia, mas também deverá ter diversos conhecimentos teóricos e também práticos para que ele se torne além de engenheiro, um militar.

Contudo, aulas técnicas para aprender a atirar, manusear uma arma, aprender sobre o militarismo, ter a postura de um militar, aulas de educação física e muitas outras estão inclusas no pacote para quem deseja se tornar um Engenheiro do exército.

Engenheiro Militar

Dessa forma, este profissional não somente será responsável por conter as competências técnicas, mas como também poderá desempenhar as funções essenciais que se diz respeito a segurança e também ao desenvolvimento nacional, podendo inclusive trabalhar em pesquisas futuras e desenvolvimento de novas armas, equipamentos e tecnologias de ponta.

Porém, por se tratar de uma carreira militar, além de todo o preparo técnico necessário do engenheiro, o profissional também irá ter uma carreira que requer muita disciplina física. Assim mesmo, como a rotina qualquer outro integrante da Defesa. Portanto, durante a sua formação dentro do militarismo, o treinamento será bem mais intenso, contando com corridas em pelotões, futebol, treinamento anaeróbico (musculação) e muitas outras atividades que fazem parte de todas as manhãs dos estudantes que estão aderindo a profissão, antes mesmo do horário da sala de aula para aprender os conceitos necessários.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados