Colégio Web

Ditongo

2Quando duas ou mais de duas vogais estão juntas em uma palavra dizemos que houve um encontro vocálico. Entretanto, existem três diferentes tipos de encontros vocálicos: o ditongo, o tritongo e o hiato.

Publicidade

Neste artigo, falaremos sobre a importância deste elemento e como ocorre o ditongo. De acordo com a norma culta, esse fenômeno acontece quando se observa dois sons vocálicos, ou seja dois sons de vogais em apenas uma sílaba.

Ditongo: quando dois sons vocálicos (vogais) estão juntos na mesma sílaba.

Confira os exemplos: peixe, saudade e paixão.

Além desta classificação, também é importante destacar que a classificação do ditongo obedece três critérios diferentes. Confira a baixo.

Ditongo crescente, decrescente, oral ou nasal: como essa definição acontece? Quando nós começamos a distinguir as vogais das semivogais. Quando as vogais estão sozinhas nas sílabas, ela fica classificada como vogal. Porém, quando está com outra vogal, passa a ficar menos evidente, mais fraca, até mesmo escondida. Nesse caso, temos uma semivogal.

Vamos verificar na prática?

1Na palavra “apaixonado”, a sílaba a ser analisada é PAI. Ela possui duas vogais. Uma, mais aberta e forte. Trata-se do “A”. Já o “I”, possui som mais fechado e fraco. Passa a ser, nesse caso, uma semivogal. A sílaba, portanto, acaba sendo formada por uma vogal A + a semivogal I.

Ditongo crescente: ocorre quando, na sílaba, observamos a junção de uma semivogal + vogal.
Exemplo: qua-dra-do (u=SV, a=V)

Ditongo decrescente: é quando, nas mesmas sílabas, são juntadas uma vogal + semivogal

Exemplo: noi-te (o=V, i=SV)

Para que a compreensão fiquem ais clara sobre os ditongos orais e nasais, também é necessário que se entenda como pronunciar as vogais pela boca. Esse tipo de vogal é conhecida como vogal oral. São elas: a, é, ê, i, ó, ô, u. Já as vogais que possuem pronúncia pelo nariz, são chamadas de vogais nasais.

Ditongo oral: quando duas vogais orais estão em uma única sílaba. Exemplo: cai-xa.

Ditongo nasal: quando duas vogais com nasalidade ou quando temos uma vogal nasal e outra oral na mesma sílaba. É o caso da palavra sa-bão.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados