Colégio Web

Medicamentos Hormonais

Pílulas contraceptivas (preservativos orais), Norplant, e Depo-Provera contém formas sintéticas dos hormônios progesterona e/ou estrogênio que impedem os ovários de uma mulher de liberarem um óvulo todo mês. 

Eles também espessam o muco cervical, que então age como uma barreira para o espermatozóide.

Uma mulher toma pílulas anticoncepcionais de acordo com um horário diário prescrito pelo médico. Depo-Provera é administrado através de uma injeção e evita gravidez por 3 meses.
 
Norplant é um conjunto de cápsulas pequenas, finas, flexíveis que são colocados sob a pele do braço da mulher e evita gravidez por até 5 anos, período permitido de permanência dos implantes no local.

Todas estas formas hormonais de controle da natalidade exigem visitas ao médico para prévia prescrição, injeção, ou introdução das cápsulas.

+ Artigos relacionados