Colégio Web

ENEM não será mais utilizado como certificação para o ensino médio

Anuncio foi confirmado pelo ministro da educação.

Publicidade

O Exame Nacional do Ensino Médio acabou se tornando uma das provas mais importantes da vida dos alunos especialmente por oferecer a nota que permite aos estudantes conseguirem uma vaga nas faculdades que selecionam através do Sistema de Seleção Unificado. Mas o exame também costumava ser utilizado para outras coisas, como obter certificação do Ensino Médio. Mas isso pretende mudar já neste ano.

3 Temas que sempre caem nas provas do ENEM

De acordo com as informações que foram divulgadas e confirmadas pelo Ministro da Educação, Mendonça Filho, a partir da edição de 2017 o ENEM não poderá mais ser utilizado para obter o documento de certificado de conclusão do Ensino Médio. Ainda de acordo com as informações que foram confirmadas pelo MEC, a certificação será feita através do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).

A mudança está sendo feita para direcionar melhor o exame, que vai se tornar mais focado em atender as necessidades das pessoas que estão querendo entrar em um curso de nível superior. Anteriormente, antes do atual ministro assumir, existia uma ideia de criar um exame que fosse somente para certificar a conclusão do ensino médio.

Mesmo assim, a declaração causou uma certa surpresa na comunidade, uma vez que existia a possibilidade da questão aparecer na pesquisa que será lançada como uma consulta pública para modificar o ENEM como um todo. O ministério parece que voltou atrás nesta questão e decidiu acabar com a certificação no ENEM antes mesmo de perguntar para a comunidade.

As pesquisas que foram feitas pelo Ministério dão conta que a quantidade de alunos que fazem o ENEM em busca de uma certificação chega a 11%, e a medida pode tornar a prova mais barata. Aqueles que fizeram a prova no ano de 2016 poderão ainda obter seu certificado.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados