Colégio Web

Confira o ranking com as piores profissões do ano

Em um levantamento realizado pela empresa CareerCast indica as carreiras menos promissoras para o ano de 2017. Conheça algumas delas em seguida.

Publicidade

Se você é aquela pessoa que não aguenta mais o seu trabalho, saiba que existe um consolo, existem rotinas piores do que a sua sem dúvida alguma. Este ranking reúne mais de 200 ocupações diversificadas em áreas de atuação com base em métricas entre elas a renda, oportunidades de crescimento, ambiente de trabalho e estresse. Estes dados são apontados no mercado de trabalho dos Estados Unidos.

Quem trabalha com notícias diárias por exemplo, nos veículos impressos tem a necessidade de lidar com salários relativamente baixos, baixa expectativa de crescimento além de uma grande pressão. Os jornalistas que fazem coberturas de política são os maiores afetados por uma necessidade de pensar e agir de forma rápida, sem ter de se comprometer com a qualidade das informações.

O setor de mídia também é considerado como a segunda pior profissão, o que é o caso do apresentador de televisão ou de rádio. Seu olhar crítico vindo do público e prazos muito apertados ajudam para o grande nível de estresse nesta área.

Outro ponto que explica a presença de duas profissões que ficam no topo do ranking estão ligados á crise financeira que abala inclusive a indústria da mídia há muitos anos. Com uma queda substancial de receitas com publicidade, os jornais, revistas, rádios e emissoras de tv cada vez menos oferecem vagas de emprego e a remuneração é mais baixa.

Conheça algumas das piores carreiras para seguir nos Estados Unidos.

Repórter de Jornal

Sem o devido reconhecimento, o profissional deverá receber em salário anual um equivalente de 37 mil dólares, e a estimativa de crescimento deste mercado até o ano de 2022 fica em – 8%.

Lenhador

A profissão que é essencial, além de insalubre acaba remunerando muito mal, ficando em 37 mil dólares de ganho anual, e a estimativa de crescimento em – 4%.

Além disto temos as profissões de soldados, aplicadores de pesticidas, dj, vendedores de publicidade, bombeiros, vendedores de varejo, taxistas, entre outros.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados