Digite o que você quer buscar:  
Home » Trabalhos Escolares » Literatura » Modernismo - Segunda Fase » Jorge de Lima e Vinícius de Moraes
01/06/2012 11:02

Jorge de Lima e Vinícius de Moraes

Aumentar fontes para melhor leitura Diminuir fontes para melhor leitura

Obras principais de Murilo Mendes:

1. Poesias (1930)

2. História do Brasil (1932)

3. Tempo e Eternidade (1935)

4. A poesia em Pânico (1941)

5. As Metamorfoses (1941)

6. Poesia e Liberdade (1947)

JORGE DE LIMA

Nascimento e morte – Jorge Mateus de Lima nasce em 23 de abril de 1895, em União dos Palmares (AL). Morre em 16 de novembro de 1953, no Rio de Janeiro (RJ).

Medicina – Inicia, em 1911, a faculdade de Medicina (Salvador, BA), concluindo-a em 1915, no Rio de Janeiro.

Política – Elegeu-se Deputado Estadual pelo Partido Republicano de Alagoas (1926) e vereador pela UDN (1946).

Segunda geração – Sua poesia vincula-se à segunda geração do Modernismo. Sua poética contempla desde o soneto, com versos alexandrinos, até o verso livre. Seus temas preferidos são cenas da infância e motivos regionais.

Poemas famosos:

1. O Acendedor de Lampiões

2. Essa Negra Fulô

Principais obras de Jorge de Lima:

1. O Mundo do Menino Impossível (1925),

2. Novos Poemas (1930)

3. Tempo e Eternidade (1935)

4. A Túnica Inconsútil (1938)

5. Poemas Negros (1947)

 

VINÍCIUS DE MORAES

Nascimento e morte – Marcos Vinícius de Moraes nasce em 19 de outubro de 1913, no Rio de Janeiro. Morre na mesma cidade, em 9 de julho de 1980.

Direito – Forma-se em Direito, no Rio de Janeiro, em 1933.

Estréia – Em 1933, publica o primeiro livro de poesias: O Caminho para a Distância.

Vinícius e Tom
– Em 1956, inicia parceria com Tom Jobim, que faz as músicas para sua peça Orfeu da Conceição.

Música – Em 1958, é lançado o LP Canção do Amor Demais, que inclui a música Chega de Saudade, composta por ele e Tom Jobim, marco do movimento da Bossa Nova.

Segunda geração – Vinícius de Moraes pertence à segunda geração do Modernismo. Soube dosar o sucesso na poesia (tem vários sonetos antológicos), na música (Garota de Ipanema é a música brasileira mais executada no mundo) e na crônica.

Poemas famosos:

1. Soneto de Fidelidade

2. Soneto de Separação

3. Soneto do Amor Total

4. A Rosa de Hiroshima

5. Receita de Mulher

Obras principais:

1. Forma e Exegese (1935)

2. Ariana, a Mulher (1936)

3. Novos Poemas (1938)

4. Livro de Sonetos (1957)





Comente!

Que tal ajudar?

Ajudamos milhões de estudantes todos os meses, levando conteúdo educacional, de graça. Faça uma doação e ajude a manter o projeto. Clique no botão ao lado.

Recomendados para você