Digite o que você quer buscar:  
Home » Trabalhos Escolares » Biologia » Fotossíntese » Etapas da fotossíntese
31/05/2012 18:03

Etapas da fotossíntese

Aumentar fontes para melhor leitura Diminuir fontes para melhor leitura

2. Etapas da fotossíntese

• Etapa Luminosa ou fotoquímica

Ocorre somente sob a luz solar ou claridade. Nesta fase é que acontece a absorção da luz, e são formadas as moléculas de ATP e de NADPH2.

A enzima de NADPH2 age como redutor, pois está envolvido nas reações de óxido-redução.

A molécula de ATP tem grande importância, pois ela armazena nas ligações químicas de fosfato (P) toda a energia que foi absorvida. 

A ATP é formada por uma base nitrogenada (adenina), uma ribose, e três fosfatos. 

A formação da molécula de ATP acontece através do processo chamado de fotofosforilação. Com a junção do ADP e do fosfato, e a interferência da luz, surgi o ATP. 

Podemos representar a fotofosforilação da seguinte maneira: 


Veja abaixo os dois tipos de fotofosforilação, a cíclica e a acíclica. 

• Fotofosforilação cíclica (Fotossistema I)

Este processo ocorre nos cloroplastos.

Os fótons de luz são absorvidos pela clorofila A, e cada um dos seus elétrons recebe um fóton de luz, aumentando a quantidade de energias.

Com toda essa energia recebida, os elétrons ficam agitados e passam a se mover com freqüência, até que eles saem da clorofila e são captados pelos transportadores de elétrons (ferrodoxina e citocromos). Neste momento ocorre a liberação de energias. Tal energia será usada na formação da molécula de ATP.

Este processo é cíclico por que, após liberarem a energia, os elétrons recuperam o seu estado normal, e regressam para a clorofila A.

• Fotofosforilação acíclica (Fotossistema II)

Fazem parte da fotofosforilação acíclica dos dois tipos de clorofila, sendo chamadas de clorofila A e clorofila B.

Os fótons de luz são absorvidos pela clorofila B, aumentando a quantidade de energia de seus elétrons.

Os elétrons ficam agitados e passam a se mover com freqüência, até que eles saem da clorofila e são captados pelos transportadores plastoquinona e citocromos. Neste momento ocorre a liberação de energias, que é usada na formação da molécula de ATP.

Os elétrons não voltam para a clorofila B, eles vão até a clorofila A (por isso o nome acíclica), onde há a ferrodoxina, que transporta os elétrons para o NADP, deixando a cromatina B privada dos mesmos. Porém, durante o processo da fotólise da água, a cromatina B recupera os elétrons.

No processo da fotólise da água, ocorre a ação da luz que faz com que as moléculas de água se quebrem, formando íons H+ e OH.

Com isso ocorre a liberação de oxigênio para a atmosfera, e a passagem átomos de hidrogênio para o NADP.

Cada enzima de NADP só tem capacidade de receber dois elétrons e dois átomos, que origina o NADPH²

• Reações da fase luminosa

• Etapa escura, química ou enzimática

Nesta fase ocorre o processo de transformação da energia. São utilizados os componentes da primeira fase: ATP e NADPH2.

O CO2 é absorvido, fixado e reduzido, ocorrendo, então, a formação do açúcar (carboidrato).

Veja a equação da redução de CO2

Veja que a energia liberada da síntese do ATP é usada na síntese do açúcar.

Este processo ocorre no estroma. Onde não é necessária a presença de luz.

Em 1946, Melvin Calvin e seus colaboradores apresentaram várias pesquisas para esclarecer a fixação e a redução do CO2, na fase escura da fotossíntese. Estas reações realizadas são conhecidas como o ciclo de Calvin.





Comente!