Colégio Web

“Ao invés de” e “em vez de”

Entenda a diferença e saiba como utilizá-los

Publicidade

A nossa língua portuguesa gosta de nos confundir e deixar semelhanças no ar. É o caso dos irmãos: ao invés de e em vez de. Eles são a verdadeira confusão em nossa mente, pois em alguns momentos são parecidos no som e outras vezes apresentam semelhanças na própria grafia.

É importante ficar atento e entender o significado de cada um dos termos. Assim, fica fácil saber utilizá-los e não haverá qualquer dúvida quanto à finalidade. Esse tipo de dúvida surge principalmente quando se trata da linguagem escrita.

E aí, prontos para entender essa dupla de forma mais aprofundada? O mais correto, nesse caso, é entender as principais características separadamente, pois os significados dos dois termos são diferentes. Vamos lá!

Ao invés de

O termo ao invés de vai significar o mesmo que o contrário de ou, ainda, o inverso de. Vamos ficar por dentro com alguns exemplos! Observe!

Ao invés de comprar, preferiu vender roupas.

Descansou, ao invés de trabalhar.

Ao invés do silêncio, preferiu o barulho.

É interessante que você observe que em todos esses três exemplos foram identificadas a presença de peças que indicam ideias de oposição. Há contrastes visíveis: comprar X vender, descansar X trabalhar e, por fim, silêncio X barulho.

Em vez de

Entenda as diferençasO termo Em vez de significa o mesmo que “no lugar de”. Para ficar um pouco mais claro, verifique os exemplos abaixo:

Em vez de estudar Francês, estudou Mandarim.

Preferiu passear de patins em vez de bicicleta.

Em vez de ir ao cinema, preferiu ir ao teatro.

É importante que você observe que não há ideias opositoras. O que ocorre, nesse caso, são ideias preferenciais. Uma opção se manifestou em lugar de outras.

Para ficar um pouco mais claro: Francês não é o contrário de Mandarim. Da mesma forma, cinema não é o inverso de teatro.

Fiquem ligados!

Prefira o termo em vez deMesmo depois desses esclarecimentos, podem restar dúvidas. O importante é que você fique atento. Os especialistas alertam que o termo “em vez de” pode ser utilizado mesmo quando se trata de uma posição oposta. Já a expressão “ao invés de” vai possuir um uso muito mais restrito.

Com esse esclarecimento é importante que você sempre dê preferência à primeira expressão: em vez de. Dessa forma, não haverá tantos riscos de se cometer erros.

Concursos, vestibulares e provinhas da escola vão querer utilizar essa “pegadinha” para testar o seu conhecimento. Se ainda não se sente seguro, escreva diferentes exemplos e comece a utilizá-los em situações do seu dia-a-dia. Assim, o conteúdo será fixado com mais facilidade.

E aí, quais são as suas outras dúvidas relacionadas à língua portuguesa? Anote e envie sugestões para o Colégio Web. Curta também a nossa Fan Page e interaja com outras pessoas que também estão querendo aprofundar os conhecimentos em diferentes áreas!

Lembre-se: você é o responsável principal pela existência do nosso site!

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados