Colégio Web

Dia do Trabalho – 1 de Maio

No dia 1º de maio é feriado e comemoramos o Dia do Trabalho. Nem sempre foi assim, você sabia? Entenda um pouco da história dessa data!

Publicidade

No dia 1º de maio é feriado e comemoramos o Dia do Trabalho. Nem sempre foi assim, você sabia? Vamos aprender o motivo pelo qual essa data tão importante é feriado nacional em nosso país?

No final do século XIV, na maioria dos países, havia uma forma desumana de trabalho. As formas de pagamento eram precárias em que se trabalhava muito para nada quase receber. Muitas vezes, o trabalho era realizado em troca de alimentos e moradia. Isso ainda acontece em muitas regiões do Brasil.

Por volta do século XVII, ocorreu o crescimento industrial e as cidades se expandiram necessitando de mais pessoas para mão de obra. Os trabalhadores exerciam jornadas de trabalho de 13 horas sem descanso durante os finais de semana e feriados. Férias, nem pensar! As Leis Trabalhistas não existiam e os trabalhadores não tinham a quem recorrer para reivindicar os seus direitos.

Dia do Trabalhador

Nenhum ser humano aguenta por muito tempo condições tão desumanas. Os trabalhadores em todo o mundo iniciaram um movimento exigindo melhores condições de trabalho e redução na carga horária. Esse movimento teve o seu início nos Estados Unidos no dia 1º de maio de 1886, na cidade de Chicago. Foi uma grande manifestação dos trabalhadores que paralisaram suas atividades reivindicando seus direitos. Essa manifestação foi ouvida em todos os demais países e serviu de referência para os demais trabalhadores. Esse dia marcou o início de uma nova era em que os trabalhadores ganharam maior respeito e tiveram seus direitos garantidos. Esse dia ficou marcado como feriado mundial e é sempre lembrado com manifestações e passeatas por ruas e centros urbanos.

No Brasil, essa data é comemorada desde 1895 e passou a ser feriado nacional em 1924, de acordo decreto do presidente Artur Bernardes. Muitas coisas ocorreram durante os anos que se passaram como revoltas e golpes militares. O mais conhecido foi o “Golpe de 1930” em que Getúlio Vargas assume como presidente da República.

Por interesses dos governantes, em 1940, o presidente Getúlio Vargas instituiu o salário mínimo, ou seja, um valor mínimo que um trabalhador deve ganhar para suprir suas necessidades básicas. Essas necessidades básicas englobam alimentação, moradia, saúde, vestuário, educação e lazer. Foi uma grande vitória aos trabalhadores na época.

1º de Maio

Atualmente, o valor do salário mínimo é de R$ 724, 00, que tem como objetivo para suprir todas as necessidades dos trabalhadores e de suas famílias!

Em 1941, foi criada a Justiça do Trabalho, com o objetivo de resolver questões judiciais relacionadas aos direitos do trabalhador.  Atualmente, muitas categorias possuem sindicatos que os ajudam a lutar por seus direitos.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados