Colégio Web

Litoral continental

Publicidade

4. Litoral continental: 

De todos os países banhados pelas águas do Atlântico, o Brasil apresenta o litoral mais longo, com 7.367 km de orla marítima. Tem início na foz do rio Oiapoque, no Amapá, estendendo-se até a barra do Arroio Chuí, no Rio Grande do Sul. O litoral brasileiro é pouco recortado, e carente de grandes golfos e penínsulas. 

Litoral setentrional ou equatorial 

Tem início no Cabo de Orange, no Amapá, e estende-se até o Cabo de São Roque, no Rio Grande do Norte. 

Seguindo do Golfo do Maranhão até o Cabo de São Roque podemos encontrar muitas dunas que são formadas pela ação dos ventos que sopram regularmente. 

Abaixo destacamos alguns acidentes desse litoral: 

– Ilha de Maracá e Cabo Cassiporé, no Amapá. 

– Estuário – delta do Rio Amazonas, com as ilhas de Marajó, Caviana, Mexiana, etc., no Pará. 

– Golfão Maranhense, com a ilha de Maranhão ou São Luís, que separa o Golfão em baía de São Marcos e baía de São José. 

– Entre o Maranhão e o Piauí, está o delta do Rio Parnaíba, que apresenta seis bocas. 

– No litoral do Rio Grande do Norte encontramos as salinas de Mossoró, Macau e Areia Branca, e grandes poços de petróleo

Litoral tropical ou oriental: 

Estende-se do Cabo de São, no Rio Grande do Norte, até o Cabo de São Tomé, no Rio de Janeiro. As formações de barreiras são predominantes, constituindo costões de topo plano. Como as barreiras são descontínuas, o escoamento das águas continentais é favorecido. 

Uma característica marcante deste litoral é a presença de recifes de arenito e coral. 

Abaixo destacamos alguns acidentes desse litoral: 

– Cabo Branco, na Paraíba

– Ilha de Itamaracá, em Pernambuco

– Baía de Todos os Santos com a ilha de Itaparica e mais as baías de Ilhéus, Canavieiras, Cabrália e Porto Seguro, na Bahia

– Ilha de Vitória, no Espírito Santo

– Lagoas Costeiras, Monguaba e Jequiá, em Alagoas

Litoral Meridional 

Inicia-se no Cabo de São Tomé, no Rio de Janeiro estendendo-se até o Arroi Chuí, no Rio Grande do Sul. 

Seguindo do Cabo de São Tomé até as proximidades de Laguna, em Santa Catarina, encontramos um litoral escarpado que constitui costões e falésias cristalinas, pois é uma área onde a Serra do Mar está bem próxima do oceano. A planície costeira é descontínua, por isso é comum a formação das baixadas, como a Baixada Fluminense e Santista. 

Partindo de Laguna até o arroio do Chuí, temos um litoral mais baixo e arenoso. Nesta região é comum as lagoas costeiras. 

Abaixo destacamos alguns acidentes desse litoral: 

– Cabo Frio, Ilhas de Paquetá, do Governador e das Cobras, no Rio de Janeiro. 

– Ilhas de São Sebastião, São Vicente, Santo Amaro, Cananéia, Cardoso, em São Paulo. 

– Baía de Paranaguá, Ilha do Mel, no Paraná. 

– Ilhas de São Francisco e Santa Catarina, em Santa Catarina. 

– Lagoa dos Patos e Mirim, interligadas pelo Canal de São Gonçalo, no Rio Grande do Sul.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados