Colégio Web

Tipos particulares de interferência

Publicidade

Tipos particulares de interferência

Interferência construtiva (IC) ou reforço 

Suponhamos que haja uma corda elástica que não seja dispersiva, onde se propagam dois pulsos com a mesma largura L, mas com amplitudes A1 e A2, respectivamente. 

Considerando que os pulsos estejam na concordância de fase, podemos ver três situações ilustradas: 

No momento da interferência, ou seja, da superposição, os pulsos se tornam mais fortes, causando assim um pulso que resulta em amplitude A = A1 + A2

Cada pulso após a superposição segue uma propagação, sempre mantendo suas características iniciais. 

Vejamos: 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados