Colégio Web

451 anos da morte de João Calvino

Publicidade

A religião cristã sempre teve grandes reformadores e grandes pensadores, sendo que alguns deles acabaram se destacando mais do que outros, como Martinho Lutero, que acabou dando início à Reforma Religiosa.

Outro nome muito importante dentro do que se entende por reformadores cristãos é o de João Calvino, cuja morte completa nada menos do que 451 anos neste ano de 2015. Vamos conhecê-lo um pouco mais!

Nascimento

João Calvino

Francês de nascimento, João Calvino nasceu na cidade de Noyon, no dia 10 de julho de 1509, tendo falecido no dia 27 de maio de 1564 na cidade de Genebra, na Suíça.

Ele estudou em algumas das melhores e mais importantes escolas e faculdades, tendo estudado Direito, Teologia e também as Línguas Clássicas, o que acabou por fazê-lo um erudito destas disciplinas.

A mudança

João Calvino 451 anosFoi aos 21 anos de idade que João Calvino acabou, de maneira dramática, sendo convertido para uma fé evangélica bíblica que era radicalmente pautada pela palavra do Cristo, deixando o catolicismo medieval para trás.

Ele era antes de qualquer coisa, um humanista, sendo que nunca tinha sido ordenado sacerdote, e depois que se afastou da Igreja Católica por conta de um fato importante em sua vida, Calvino acabou por rapidamente se tornar a voz ativa do protestantismo dentro da França.

Ele acabou fazendo pregações em igrejas, o que logo lhe rendeu o apelido de “padre”, o que o desagradou muito, já que por conta disto, ele acabou sendo vítima de perseguição religiosa em seu país.

O retiro em Genebra

Pois foi para fugir das perseguições que João Calvino acabou por se refugiar em Genebra, onde permaneceu até a sua morte, sempre pregando em nome de sua nova forma de visão cristã.

Nesta cidade, que acabou por se tornar um verdadeiro centro do protestantismo de toda a Europa, João Calvino passou a escrever e virou uma das figuras centrais do protestantismo no continente.

Assim como Martinho Lutero, que é para a Alemanha uma espécie de pais do protestantismo cristão, João Calvino também é assim visto para a França.

Mas é importante ressaltar que quando Lutero escreveu suas 95 teses em 1517, Calvino tinha apenas 8 anos de idade e não passava de um garoto que não fazia ideia do que o futuro reservava.

Entretanto, é importante ressaltar como João Calvino acabou tendo em Lutero uma inspiração para muitos de seus escritos e também de seus ditos.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados