Colégio Web

Hino Nacional Brasileiro

Confira as primeiras versões do Hino Nacional

bandeira do brasil

Publicidade

O Hino Nacional Brasileiro foi escrito em 1831 por Joaquim Osório Duque Estrada e Francisco Manuel da Silva. Antes, era chamado de Hino 7 de abril por causa da abdicação de D. Pedro I, depois Marcha Triunfal e hoje, Hino Nacional.

Depois de se tornar muito popular, o hino nacional recebeu duas letras, a primeira foi escrita quando Dom Pedro I abdicou o trono e escrita por Ovídio Saraiva de Carvalho e Silva e foi cantada pela primeira vez no cais do Largo do Paço em 13 de abril de 1831 em desacato ao ex-imperador.

Veja:

Os bronzes da tirania
Já no Brasil não rouquejam;
Os monstros que o escravizavam
Já entre nós não vicejam.
(estribilho)
Da Pátria o grito
Eis que se desata
Desde o Amazonas
Até o Prata
Ferrões e grilhões e forcas
D’antemão se preparavam;
Mil planos de proscrição
As mãos dos monstros gizavam

Depois quando passou a ser chamado de hino 7 de abril, teve outra letra escrita por um autor desconhecido.

Veja:

Negar de Pedro as virtudes
Seu talento escurecer
É negar como é sublime
Da bela aurora, o romper

Em 1889, depois da Proclamação da República houve um concurso para um novo hino nacional, mas, a música escolhida (“Liberdade, liberdade! Abre as asas sobre nós!…”)  não foi aceita pela população e mais tarde seria oficializada como Hino da Proclamação da República.

E, em 1906 um novo concurso foi realizado e o hino escolhido é o que temos até hoje oficializado por Decreto do Presidente Epitácio Pessoa em 1922.

Curiosidade

Existe um a parte do hino nacional escrita por Américo de Moura de Pindamonhangaba que foi  excluída da sua versão original.

A letra da introdução é a seguinte:

Espera o Brasil que todos cumprais com o vosso dever
Eia! Avante, brasileiros! Sempre avante
Gravai com buril nos pátrios anais o vosso poder
Eia! Avante, brasileiros! Sempre avante
Servi o Brasil sem esmorecer, com ânimo audaz
Cumpri o dever na guerra e na paz
À sombra da lei, à brisa gentil
O lábaro erguei do belo Brasil
Eia! sus, oh, sus!

Mesmo que não uma parte do Hino não faça mais parte do mesmo é importante lembrar que o hino de um País representa uma nação, conta a história , os fatos, e a sua identidade e por isso, deve ser carregada por muitas gerações como uma tradição.

Assista ao vídeo com a letra completa!

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados