Colégio Web

Técnicas de Combate à Erosão

Devemos diminuir ou evitar os efeitos que causam a erosão. Vamos entender como o homem pode utilizar de meios para alcançar este fim mais sustentável!

Publicidade

É do solo que o homem retira o seu trabalho, sua moradia e sua alimentação. Mas infelizmente, o homem colabora para a destruição do solo. Como? Em sua grande parte, é o responsável pelas modificações negativas, desobedecendo às leis, as determinações e as normas de conservação da natureza.

Nossas florestas protegem o solo contra a erosão no sentido que diminuem a velocidade do vento e impedem que chuvas muito fortes destruam a terra. Além disso, a vegetação proporciona maior sustentação ao solo e diminui a velocidade das enxurradas causadas pelas chuvas. Dessa forma, a vegetação impede a erosão.

Porém, o homem derruba florestas inteiras para construir as cidades, estradas, pastagens e para a retirada da madeira para a construção de móveis e casas. Com a derrubada das matas o solo é destruído e empobrecido.

Como combater a Erosão?

O plantio inadequado de lavradores também é outro fator que favorece a erosão. Como plantar de forma a evitar a erosão?

Devemos diminuir ou evitar os efeitos que causam a erosão. Vamos entender como o homem pode utilizar de meios para fazer com que a erosão no solo seja evitada ou diminuída!

O homem pode ajudar no sentido de preservação da natureza não devastando as florestas de forma indiscriminada ou ilegal e também aplicando algumas técnicas de cultivo ao solo como a plantação em curvas de nível, usando as faixas de retenção, formação de terraços e cordões de contorno. Todas essas técnicas são antigas, mas funcionam e contribuem para a diminuição da erosão no solo. Vamos entender como seria cada uma delas!

Erosão

Plantação em curvas de nível

Podemos realizar num terreno em declive, o plantio em curva de nível. Vamos entender melhor isso! Os espaços, ou sulcos, onde são colocadas as sementes devem ser feitos em linha, cada uma, num mesmo nível do terreno. A plantação realizada dessa maneira apresenta várias vantagens:

  • diminui a força da enxurrada, evitando maior erosão;
  • impede a descida rápida da água aumentando a umidade do solo;
  • substâncias nutritivas ao solo não são arrastadas pela força da água, aumentando a produção da lavoura.

Formação de terraços

A plantação em terraços é a plantação realizada em faixas planas em terreno inclinado, assim como degraus, evitando que a força da água atinja a plantação arrancando-a do solo quando desce pela encosta.

Faixas de retenção

Nesse caso, usamos o plantio de várias espécies usando faixas de plantio. Exemplificando, o algodão e o trigo precisam de grandes espaços entre um pé e outro. Nos espaços vazios entre eles pode-se plantar outro tipo de vegetal, como é o caso da cana-de-açúcar. Alguns tipos de vegetais servem como verdadeiras barreiras para as enxurradas evitando assim a erosão e o alagamento da lavoura.

Cordões de contorno

Como o próprio nome diz, são perfeitos cordões feitos em terrenos em declive.  Pequenos diques ou barreiras são construídos impedindo que a água das chuvas escorra pelo morro abaixo, retirando da superfície do solo as substâncias férteis a plantação.

São métodos simples e antigos de plantação que funcionam e aproveitam o solo evitando e diminuindo os riscos de erosão.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados