Colégio Web

Agricultura Européia

Publicidade

Agricultura 

A Europa se destaca por ser diversificada na produção agrícola, aproveitando as técnicas adequadas e modernas em solo geralmente fértil, gerando uma elevada produtividade. 

Na Europa os cereais são predominates na produção agricula, como o centeio, aveia e a cevada, importantes produtos agrícolas das áreas temperadas, dando destaque ao trigo que é considerado o principal produto. Os países que se destacam no cultivo de cereais é a Ucrânia, Itália, França, Alemanha e Rússia. 

Vejamos abaixo os alguns produtos. 

O centeio é uma gramínea cultivada em grande escala para colheita de grãos e forragem,tolerante com a acidez do terreno e mais ambientado a condições de seca e frio. Nas áreas de clima frio o centeio substitui o trigo.

A aveia é um género botânico pertencente à família Poaceae, subfamília Pooideae, tribo Aveneae.Produzida principalmente para a alimentação do gado, recebendo, por isso, o nome de forrageira.

A cevada representa a quinta maior colheita e uma das principais fontes de alimento para pessoas e animais.Uma matéria-prima básica à fabricação da cerveja, produto de destaque em vários países europeus.

Tanto nela quanto em outros locais de clima temperado, a batata tem época de plantio e de colheita bem definidas, ( geadas de primavera e de outubro ). Os principais produtores são: Alemanha, França, Países Baixos, Reino Unido e Rússia.

A oliveira nas regioes europeias de clima mediterrâneo é destinada á produção de azeitonas e azeites.Os principais produtores são: Portugal, Espanha, França e Itália.

A taxa do volume de colheitas da Europa é relativamente menor à América do Norte, Ásia e América do Sul. Não tendo condições climáticas nem geográficas,diante dos outros continentes nessa área, os governos dos países europeus subvencionam o cultivo de certos produtos, causando imensos desequilíbrios sociais nos países produtores, sobretudo nos de economia emergente e de terceiro mundo.
 
Muitos dos problemas agrícolas da Europa só ocorre devido á falta de autonomia do continente em tocar o cereais para forragem, às gorduras vegetais e aos produtos tropicais. Na produção frúticola,é bastante diversa variando conforme a região. 

Embora decrescente, o continente europeu ainda é líder mundial no consumo do vegetal. A europa tem na subvenção uma maneira dissimulada de evitar a ruína dos agricultores europeus,dessa maneira acaba forçando o mercado internacional se manter de acordo com as aspirações de lucratividade dos grandes grupos econômicos.Embora decrescente, o continente europeu ainda é líder mundial no consumo do vegetal.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados