Colégio Web

Fotoperiodismo

2Para que se desenvolvam bem, as plantas passam por diferentes etapas de adaptação à luz. Ao longo de um ano, há por exemplo o momento da floração. Cada espécie passa por tal momento em ocasião específica. Algumas florescem em agosto, outras em janeiro e por aí vai.

Publicidade

E como elas sabem que estão no período adequado para tal desenvolvimento? Os estímulos ambientais que a planta utiliza com maior frequência são chamados de foto período. É aquele intervalo em que o período iluminado do dia ou da noite permite que ocorram as respostas fisiológicas do vegetal. Popularmente conhecidos como o período iluminado e o período escuro da planta. Essas respostas fisiológicas e tudo o que envolve tal relação é denominado fotoperiodismo.

As influências do fotoperiodismo na floração faz com que as plantas sejam divididas em três diferentes tipos: planta de dia curto, planta de dia longo e planta indiferente.

Plantas de dia curto: florescem no período da noite, também chamado de período escuro, podendo ser igual ou maior do que determinados valores chamados de fotoperíodos críticos. Esse tipo de planta floresce no fim do verão, inverno ou outono.

1Plantas de dia longo: ocorre a floração quando tal planta é submetida a período de escuridão inferior ao do fotoperíodo crítico. As plantas de dia longo passam pela floração na primavera e verão. É o caso do alface que passa por uma única exposição ao fotoperíodo e já começa a florescer. Outras plantas precisarão de vários dias sucessivos para que completem o fotoperíodo adequado. Há espécies que só dão respostas ao fotoperíodo após receber outros tipos de estimulação. É o caso do trigo que, no inverno, não floresce a menos que passe por várias semanas de exposição e com temperatura inferior a 10ºC. Com tal necessidade de temperaturas frias para que ocorra a germinação, muitas espécies de clima temperado acabam sendo chamadas de plantas que precisam de vernalização. Estar submetida a período indutor menor que o fotoperíodo crítico é uma condição para tais espécies.

Plantas indiferentes: para esse tipo de planta, a floração acontece sem qualquer relação com o fotoperíodo. São outros os estímulos que influenciarão nas florações das plantas indiferentes. Exemplo: feijão de corda e tomate.

Outro aspecto importante no momento da floração diz respeito ao fitocromo, pigmento protéico da célula vegetal que responde pela absorção da luz e exerce importante influência nas florações e mesmo germinação de algumas sementes. O fitocromo R, por exemplo, quando inativo absorverá a luz de comprimento de ondas de 660 nm para estabilizar o pigmento. Já os fitocromos F absorvem a luz vermelha com 730 nm e pigmentos ativos.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados