Colégio Web

Estrutura dos monossacarídeos

Publicidade

17 – Estrutura dos monossacarídeos

O estudo das estruturas das oses é realizado a partir da aldose mais simples, o aldeído glicérico (aldotriose). 

Este aldeído apresenta 1 átomo de C assimétrico, e pode ser representado por dois antípodas ópticos: o dextrogiro (aldeído d – glicérico) e o levogiro (aldeído l – glicérico). 

As fórmulas de projeção dos antípodas aldeídos glicéricos, na vertical, são: 

As oses possuem estruturas convencionadas a partir dos aldeídos glicéricos. A cadeia carbônica da oses só aumenta a partir do grupo aldeídico. 

Como por exemplo: a partir do aldeído d – glicérico, uma aldotetrose em que a base (os últimos átomos de carbono) da cadeia será igual a da altotriose inicial.

A nomenclatura das duas aldotetroses receberão a letra d, pois são resultantes do aldeído d – glicérico. A mesma regra deve ser seguida com as aldotetroses resultantes do aldeído l 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados