Colégio Web

Lagostas

A lagosta, crustáceo reptante, é a espécie mais comum do litoral brasileiro, ocorrendo desde o Nordeste brasileiro até São Paulo.

 

Publicidade

Subclasse: Malacostraca
Ordem: Decapoda
Família: Palinuridae
Nome em inglês: spiny lobster 

A lagosta, crustáceo reptante, é a espécie mais comum do litoral brasileiro, ocorrendo desde o Nordeste brasileiro até São Paulo. 

É marinha, e seu habitat pode ser locais de vegetação ou áreas rochosas, desde que exista abundância de moluscos e anelídeos. Durante o dia, permanece em seu abrigo (cavidade de rochas, corais ou emaranhados de algas), com o corpo oculto e antenas estendidas. À noite, sai em busca de alimento, retornando ao abrigo de manhã. 

Quando ameaçada, a lagosta dobra o abdomem, com a nadadeira caudal aberta em leque, ao mesmo tempo em que mantém as patas e antenas orientadas para a frente, facilitando assim um rápido deslocamento. Sua dieta consiste principalmente em animais mortos. 

A lagosta é encontrada entre 70 e 200 metros de profundidade, mas costuma se aproximar da costa durante a sua reprodução. O macho vira a fêmea de costas e depoisita o esperma sobre sua barriga. Algumas horas depois, a fêmea põe óvulos, que são fecundados. Estes óvulos fecundados são envolvidos em gelatina e ficam grudados na barriga da fêmea. Depois de vinte dias, nasce uma larva. Após várias mudas, elas se transforma em uma jovem lagosta. Assim como todo crustáceo, a lagosta cresce durante toda a vida. Um pouco por vez, a cada muda.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados