Colégio Web

René Duguay-Trouin

Publicidade

Famoso corsário francês nascido em Saint-Malo, conhecido no Brasil por ter invadido a cidade do Rio de Janeiro no início do século XVIII e saqueá-la por dois meses. Ainda adolescente transformou-se em corsário e distinguiu-se por atos de bravura no apresamento de navios. Com o consentimento de Luís XIV, organizou (1711) a expedição ao Rio de Janeiro, com o objetivo de obter altos lucros e vingar a morte do outro corsário francês, Jean-François Duclerc. 

Partiu de La Rochelle em 9 de junho, no comando de 17 navios, que somavam mais de setecentas peças de artilharia e cinco mil homens. Na viagem apresou uma fragata inglesa e cruzou a barra do Rio de Janeiro em 11 de setembro. Na madrugada do dia 13, desembarcou suas tropas na praia do Valongo e conquistou facilmente a cidade. 

A população não reagiu e o governador Francisco de Castro Morais refugiou-se com suas tropas em Iguaçu. Em 10 de outubro assinou um acordo pelo qual recebeu o resgate de 610 mil cruzados, cem caixas de açúcar e duzentos bois, e se retirou da cidade em novembro. Morreu em Paris e deixou um livro de memórias.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados