Colégio Web

Michael Jackson

Publicidade

Michael Joseph Jackson nasceu na cidade de Gary, em Los Angeles, no ano de 1958. Além de famoso músico, acumulou várias outras funções no mundo da arte: cantor, dançarino, produtor, compositor, empresário, pacifista, arranjador vocal, filantropo e ativista nos Estados Unidos.

A revista Rolling Stone citou que Michael Jackson faturou, ao longo da vida, uma média de sete bilhões de dólares. Um dos artistas mais ricos de toda a história da arte recente. Mesmo depois de morto, continuou a lucrar mais de um bilhão de dólares com suas produções.

A música chegou à vida de Michael Jackson ainda na infância. Com 11 anos, já tinha carreira profissional no grupo da família. Nos anos seguintes, passou a ser aclamado super star com os álbuns de estúdio que tiveram vendas surpreendentes. Na década de 1970, decidiu seguir carreira solo pela gravadora Motown. Quando adulto, teve um dos discos mais vendidos e populares em sua trajetória. Era o meteoro conhecido como Thriller.

A carreira de Michael Jackson também teve relação com a questão racial. O músico era negro, mas optou por procedimentos cirúrgicos que são controversos. Muitos dizem que ele estaria corrigindo um problema de pele causado pela doença vitiligo, mas tantos outros acreditam que o seu “embraquecimento“ foi uma necessidade pessoal de deixar de ser negro. Para além desse aspecto, Michael Jackson precisa ser lembrado como alguém que, sendo negro, quebrou várias barreiras no cenário musical que discriminavam pessoas de tal raça. Há quem diga que foi ele quem abriu espaço para que outros famosos como Oprah Winfrey e Barack Obama também seja respeitados atualmente.

Polêmicas e morte

Além do talento musical, também foi reconhecido por conseguir envolver fortemente os fãs com suas coreografias e talento como dançarino. Usava os pés com um preciosismo nato. Cada performance no palco e nos clipes encantava a plateia. Tais coreografias foram eternizadas como o Robot, o “The Lean” (inclinação de 45º), o famoso “Moonwalk”. Com seus estilos de músico e dançarino, Michael Jackson influenciou vários outros artistas de diferentes gerações e ritmos em todo o mundo.

A sua vida também esteve envolvida com fortes polêmicas. Com tamanho patrimônio material, ele tinha causas humanistas e atuava como filantropo. Fez doações volumosas para a Dangerous World Tour, além de ajudar espaços de acolhimento em diferentes 39 centros de caridades. Também tinha sua própria fundação.

Com a mudança na cor da pele em função do possível vitiligo, houve quem achasse que ele teria repercussões negativas na imagem pública. Mas, tal fato não se comprovou. O que realmente mexeu com sua imagem foram as denúncias de abusos infantis.
Por falta de provas, tais denúncias foram arquivadas e ele não chegou a ser julgado em tribunal. Michael Jackson teve três filhos, mas até mesmo nesse aspecto houve controvérsias.

A morte trágica de Michael Jackson aconteceu durante a preparação para a turnê chamada This Is It. Os laudos apontam que a causa da morte teria sido uma intoxicação aguda decorrente do uso do anestésico propofol. Em 25 de junho de 2009, o músico sofreu uma parada cardíaca. A Justiça de Los Angeles declarou a morte como sendo um homicídio culposo, com conivência do médico pessoal de Michael Jackson ,o Dr. Conrad Murray.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados