Colégio Web

Edward Bouverie Pusey

Publicidade

Teólogo inglês nascido em Pusey, Berkshire, que iniciou o puseísmo, movimento ritualístico que aproximou do catolicismo uma parte da Igreja anglicana. Estudou no Christ Church College, Oxford, e foi eleito fellowship em Oriel College (1823). Estudou teologia e idiomas semíticos em Göttingen e Berlim e foi ordenado um padre anglicano (1828) e foi feito professor regius de hebraico (1828) em Oxford, e cânon da Christ Church, um posto que ele manteve pelo resto de sua vida. Alinhou-se formalmente e foi uma das principais figuras do Oxford Movement (1833), movimento que buscou reavivar no Anglicanismo os ideais da igreja do século XVII.

O principal ponto defendido pelo movimento era demonstrar que a Igreja Anglicana era uma descendente direta da Igreja estabelecida pelos apóstolos.. A partir de sua posição de Regio Professor de Hebraico em Oxford e de Cânon da Igreja de Cristo, procurou restaurar na alta constituição da Igreja, doutrinas tais como a da confissão auricular e a transubstanciação. Tornou-se (1836) editor da influente Library of Fathers e contribuiu com vários estudos de trabalhos de patrísticos e retirou-se do movimento de Oxford (1841).

Morreu no dia 16 de setembro (1882), em Ascot Priory, Berkshire, e seu nome foi perpetuado na Pusey House, em Oxford, onde sua biblioteca foi mantida. Suas principais obras foram os sermões The Holy Eucharist, a Comfort to the Penitent (1843), The Entire Absolution of the Penitent (1846) e The Rule of Faith (1851) e Eirenicon (3 partes, 1865-1870), um empenho para achar maneiras de reunir o Catolicismo romano com a Igreja de Inglaterra e que gerou uma controvérsia considerável com o Cardeal Newman.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados