Colégio Web

Earl Wilbur Sutherland, Jr.

Publicidade

Farmacologista e fisiologista estadunidense nascido em Burlingame, Kansas, Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina (1971) por trabalhos com os mecanismos dos hormônios e demonstrar o desenvolvimento de numerosos processos metabólicos que ocorrem nos animais. Graduado em Washburn College, Topeka, Kan. (1937), foi Assistant in Pharmacology, School of Medicine, Washington University (1940-1942), recebeu o M.D. da Washington University Medical School, St. Louis, Mo. (1942),onde foi Interneship, Barnes Hospital (1942). Após servir na U.S. Army durante a II Guerra Mundial, juntou-se a School of Medicine, Washington University, onde foi Instructor em Pharmacology (1945-46), Instructor em Biochemistry (1946-1950), Assistant Professor de Biochemistry (1950-1952) e Associate Professor de Biochemistry (1952-1953) Tornou-se (1953) diretor do departamento de medicina Western Reserve University in Cleveland, Ohio, onde descobriu o ciclo AMP (1956) ou ciclo da adenosina monofosfática.

Dez anos depois, assumiu como professor de fisiologia da Vanderbilt University, Nashville, Tenn.(1963), e tornou-se (1973) membro da faculdade da University of Miami Medical School, onde permaneceu até sua morte, em Miami, Florida. Ele dedicou-se integralmente a pesquisa sobre o estudo dos hormônios, o que o conduziu à descoberta de que eles controlam o funcionamento do corpo regulando o nível de uma substância chamada AMP cíclico que em troca controla a atividade celular de cada órgão. Com o trabalho que lhe deu o Nobel, também ganhou o Lasker prize (1970).

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados