Colégio Web

Os rios da cidade

Como você já sabe os rios podem servir como fontes de alimento, de transporte, por isso, os primeiros povoados, que mais tarde deram origem às cidades, surgiram sempre próximos de um rio. O rio São Francisco guarda algumas surpresas às suas margens, e uma delas é a pequena cidade de Itacarambi – MG. Com pouco mais de 17 mil habitantes, a cidade é toda arborizada, pintada com cores alegres, bem limpa e hospitaleira. A cidade foi elogiada num encontro de prefeitos ribeirinhos que reuniu representantes de cinco estados na nascente do rio, em São Roque de Minas. O motivo é que Itacarambi não polui o Velho Chico.

Publicidade

O rio representa um curso natural de água que se desloca de acordo com as configurações do relevo. A água do rio sempre vai percorrer, sempre vai sair de pontos mais altos em direção aos pontos inferiores daquela área de relevo.

As nascentes dos rios ficam localizadas em pontos mais altos e, ao longo do caminho das águas, o rio acaba atingindo sua foz a partir de terrenos e níveis mais baixos. É aí que surge o mar, um lago ou outros rios.

Para efeito de classificação, o rio pode obedecer alguns critérios de disponibilidade, por exemplo, de reservas de água. Além disso, podem ser perenes, efêmeros ou intermitentes.

Perene: é o rio que possui água ao longo de todo o ano, ou seja, ele nunca seca. Passa a ser alimentado pelo escoamento da água dos lençóis freáticos. Escoamento superficial por lençol subterrâneo.

Intermitente: chamado de temporário, pode ser um rio volumoso no período das chuvas, mas desaparecer ao longo da seca.

Efêmero: é o rio formado de forma exclusiva para o período da chuva. Depois dos momentos chuvosos, seca de forma rápida.

 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados