Busca Digite o que você quer buscar:  
Home » Trabalhos Escolares » Português » Verbos » Objeto Direto e Objeto Indireto
Postado em 31/05/2012 17:53, atualizado em 18/08/2015 16:05

Objeto Direto e Objeto Indireto

Aumentar fontes para melhor leitura Diminuir fontes para melhor leitura

1 Esses dois elementos linguísticos compõem o setor de complemento verbal da frase, dando completo sentido ao verbo transitivo direto e indireto pois, sozinhos, não conseguem expressar uma boa significação.

Objeto direto: vai completar o sentido dos verbos transitivos diretos, sem necessidade de preposições. Indicará o paciente das ações verbais, ou seja, os elementos que estão sofrendo ação verbal. O verbo transitivo direto que necessitar de um complemento, responderá às perguntas o quê? ou quem?, mas não exigirá preposições para as regências verbais. O objeto direto vai ter como representantes os seguintes elementos: substantivo, pronome substantivo, pronome oblíquo átono e oração subordinada substantiva objetiva direta.

Objeto direto/substantivo:
Joana comeu o quibe.
José espera a irmã.
Objeto direto/pronome substantivo:
Reserve isto com muita atenção.
As mães fizeram tudo para o casamento da filha.

Objeto direto/pronome oblíquo átono (o, a, os, as, me, te, se, nos, vos):
A prima deixou-o sozinho.
Ele ama-a muito.

Objeto direto/oração subordinada substantiva objetiva direta:
Quero que você seja minha esposa.
As empregadas não sabiam que era dia de despedidas.

Objeto direto preposicionado
Antes da preposição a
Fazendo referência a um substantivo próprio;
Fazendo referência a um pronome oblíquo tônico;
Fazendo referência a um pronome indefinido;
Fazendo referência a um pronome relativo quem;
Fazendo referência aos numerais ambos e ambas;

Antes das frases, colaborando para construção comum em provérbios ou quando se deseja evitar ambiguidades nas leituras das frases:
Agrediram a mim, a João e a todos.
Eu tenho uma amiga a quem solicitar isso.
A diretora contratou a ambas.
Ao pai a filha ama.

Objeto direto pleonástico
Neste caso, ocorre repetição e intensificação do objeto direto, para que este ganhe mais expressão, quando ocorre no início da oração, com repetição do verbo por meio de um pronome oblíquo átono.

Aquela melodia, ouvi-a intensamente no período da faculdade.
Os presentes, a Mariana recebeu-os
Há casos em que o verbo intransitivo pode aparecer com objetos diretos, passando a atuar como verbos transitivos diretos.
Durante todo o período chorei lágrimas de crocodilo.
Ontem choveu uma garoa de aspecto cortante.

Objeto indireto

2Os objetos indiretos completam os sentidos dos verbos transitivos indiretos, mas contam sempre com preposições. O paciente da ação verbal será indicado, mas com elementos em que há destino de ações verbais. Esse verbo transitivo indireto vai precisar de complemento para fazer sentido, ao responder perguntas de quê?, para quê?, de quem?, para quem?, em quem?, entre outros. A regência verbal pede preposição.
O objeto direto será formado especialmente por substantivos, pelos pronomes oblíquos lhe e lhes e por orações subordinadas substantivas objetivas indiretas.

Objeto indireto/substantivo
Eu duvidei da gestão do prefeito
A aluna respondeu à pergunta da mestra.
Objeto indireto/pronome oblíquo

Enviei-lhes toda a matéria.
Afasta a onça de mim.

Objeto indireto/oração subordinada substantiva objetiva indireta
A diretora da empresa necessita de que todas as mulheres estejam na sala.
A mestra insistiu muito em que as alunas tivessem aulas de recuperação.

Objeto indireto não preposicionado

Neste caso, aparece sem preposição, quando representado por pronome oblíquo (me, te, lhe, nos, vos, lhes) ou pelo pronome reflexivo se.
A juíza declarou-me culpada.
Tua mãe deu-te uma palmada.

Objeto indireto pleonástico
Para intensificar ou repetir o objeto indireto, deixando-o mais expressivo, ou quando está no início das orações, com repetições dos verbos por pronomes oblíquos.

Aos meus filhos, dei-lhes muita educação.
Ao funcionário, pedi-lhe um documento de procuração.
O objeto indireto e adjunto adverbial não devem ser confundidos. Ao completar os sentidos do verbo, temos objeto indireto.


Publicidade

Pela Web

Comentários