Colégio Web

Vegetais intermediários

Publicidade

1. Vegetais intermediários

Os vegetais intermediários foram divididos em dois grupos: briófitas e pteridófitas.

As briófitas compreendem os musgos, hepáticas e antóceros. E as pteridófitas abrangem samambaias, avencas, selaginelas, licopódios e cavalinhas.

Todos estes vegetais não produzem flores nem frutos, e dependem de água para se reproduzirem.

Os órgãos reprodutores destes seres são tão minúsculos, que só podem ser vistos com o uso do microscópio. Os arquegônios são os órgãos femininos e os anterídios são os órgãos masculinos. Eles são conhecidos como criptógamas.

O ciclo reprodutor apresenta uma alternância de gerações (metagênese), onde a meiose age como intermediária.

O ciclo da metagênese ocorre em dois períodos: sexuada e assexuada.

Na reprodução sexuada, são formados os gametas que se reproduzem gerando um zigoto. Este zigoto divide-se pela mitose formando um esporófito, que por sua vez, é reproduzido assexuadamente, dando origem aos esporos.

Cada esporo formado é dividido através da mitose, formando um novo ser denominado gametófito.
Os gametófitos se reproduzem sexuadamente, originando novos gametas, que iniciarão um novo ciclo.

Na metagênese há uma fase haplóide e outra diplóide, que são alternadas. Na fase diplóide o esporófito se reproduz assexuadamente, e na fase haplóide o gametófito se reproduz sexuadamente.

Ciclo metagenético de briófita: 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados