Digite o que você quer buscar:  
Home » Trabalhos Escolares » Biologia » Meiose e Gametogênese » Cromossomos Homólogos
31/05/2012 18:03

Cromossomos Homólogos

Aumentar fontes para melhor leitura Diminuir fontes para melhor leitura

Paquíteno 

Devido ao grau de espiralização, já e possível visualizar a duplicação do DNA.

Os cromossomos homólogos em sinapse formam as tétrades ou bivalentes.

Nesta fase, ocorre o crossing-over, porem, não e visualizado devido à proximidade dos homologos.

Diplóteno

Os cromossomos homólogos começam a se separar, neste momento podemos visualizar os pontos onde ocorre o crossing-over.

Os locais onde o crossing-over é visível é chamado Quiasma.

O número de quiasmas revela o número de crossing-over ocorrido. 

Diacinese

Já desapareceram a carioteca e o nucléolo.

Os centríolos já atingiram os pólos opostos, e o fuso acromático já esta formado.

Os cromossomos homólogos espalham-se aos pares pelo citoplasma para se ligarem às fibras do fuso.

Observamos o final do crossing-over (terminalizacao dos quiasmas).

Metáfase I

Os cromossomos atingem o grau máximo de espiralização e alinham-se na placa equatorial da célula.

No alinhamento, os homólogos estão lado a lado (em sinapse, pareados), pois cada um se ligara a uma fibra que o tracionara para o pólo oposto ao seu homologo.

Anáfase I

Os cromossomos são tracionados para o pólos da células, sem ocorrer divisão dos centrômeros.





Você também vai querer ler...

Comente!

Que tal ajudar?

Ajudamos milhões de estudantes todos os meses, levando conteúdo educacional, de graça. Faça uma doação e ajude a manter o projeto. Clique no botão ao lado.