Digite o que você quer buscar:  
Home » Trabalhos Escolares » Biologia » Doenças da visão » Túnicas ou membranas do olho
31/05/2012 18:05

Túnicas ou membranas do olho

Aumentar fontes para melhor leitura Diminuir fontes para melhor leitura

O globo ocular compõe-se de três túnicas:

1) Uma túnica fibrosa externa, esclera (posteriormente), de cor branca, constituída por um tecido conjuntivo resistente que mantém a forma do globo ocular e de córnea (anteriormente), camada que permite a passagem de luz.

2) Uma túnica intermédia vascular pigmentada, compreendendo a coróide (onde localiza-se os vasos sanguíneos que nutrem e oxigenam as células do olho), o corpo ciliar e a íris (disco colorido do olho – no centro da íris há um orifício de tamanho regulável – a pupila – que ajusta seu tamanho de modo a regular a quantidade de luz que entra no olho).

3) Uma túnica interna nervosa, a retina (responsável pela ipedloucura10das cores), e bastonetes (responsável pela visão do branco e preto). A ipedloucura4do olho humano contém cerca de 6 milhões de cones e 125 milhões de bastonetes.

Meios transparentes do olho

Córnea: porção transparente da túnica externa – é circular no seu contorno e de espessura uniforme em toda a extensão.

Humor aquoso: preenche as câmaras anterior e posterior do olho – compõe-se principalmente de água.

Cristalino: lente biconvexa coberta por uma membrana transparente.

Corpo vítreo: preenche a concavidade da porção óptica da retina – é semigelatinoso e escavado anteriormente para alojar o cristalino.

Trajeto dos raios luminosos

Os raios luminosos atravessam as córneas e o humor aquoso; passam pela pupila, atravessam o cristalino e o corpo vítreo; chegam à retina, onde estimulamos cones e bastonetes. Nesse ponto, a energia luminosa é transformada em impulsos nervosos, por meio de um mecanismo químico. Esses impulsos nervosos, por sua vez, penetram nos neurônios da retina, que os conduzem, através do nervo óptico, aos centros de visão do cérebro.

Mecanismo de acomodação do cristalino

Devido à sua elasticidade, o cristalino pode modificar sua forma para fazer com que os raios luminosos, provenientes de objetos próximos ou distantes, incidam na retina.

Defeitos da visão

» O daltonismo, ou cegueira para cores, é atribuído a um defeito congênito da retina e de outras partes nervosas do trato ótico.

» O astigmatismo resulta da deformação da córnea ou da alteração da curvatura da lente ocular, o que provoca uma visão distorcida.

» A miopia e a hipermetropia são causadas por uma falta de simetria na forma de globo ocular.

» A presbiopia deve-se à perda da elasticidade dos tecidos oculares com a idade.





Comente!