Colégio Web

Intensidade metabólica

1Pensar a taxa metabólica no sentido literal é definir como ocorrem todas as reações químicas no organismo vivo. Qual seria a soma? A via metabólica se divide em algumas categorias: anabólicas, que ocorrem com componentes mais simples ou molécula mais complexa que é útil ao corpo. É o caso da síntese do ácido gordo. Já as catabólicas, são formadas por moléculas mais complexas quebradas junto com uma molécula simples que se degrada com açúcares.

Publicidade

Quando não há trabalhos externos ou mesmo energia química armazenada, a energia que se liberta durantes as trocas metabólicas vai aparecer em formato de calor. Daí que seja possível relacionarmos o calor produzido com as experiências metabólicas e energéticas.

Quando se converte energia química em calor, há taxas metabólicas baixas. Assim, as energias calóricas vão sendo libertadas por um tempo específico.

Um animal terá taxas metabólicas que são influenciadas pela intensidade das atividades que executa. Ou mesmo da variedade. E o que pode influenciar?

Temperatura, intervalos ao longo do dia, idade, massa corporal, sexo, estresse e até mesmo as estações do ano. A partir disso é que teremos mais informações sobre como os organismos estão sendo metabolizados.

Os exercícios musculares constituem estímulos mais eficazes para ampliar o metabolismo. Quando se faz uma atividade muscular mais intensa, o metabolismo pode ser acelerado em até 40 vezes o normal. A noradrenalina, que é expelida pela estimulação dos sistemas nervoso simpático, junto com a adrenalina que é expelida pela medula da supra-renal vão promovem glicogénio a glucose degradados, o que aumenta a intensidade das reações enzimáticas.

O que deve ser observado?

2O hormônio da tireoide exerce forte influencia nas células do corpo, especialmente no que diz respeito à noradrenalina. Diferente da primeira, são necessários mais dias para a atuação. Assim, as cargas metabólicas podem variar até quatro vezes além do normal quando há alterações nesse hormônio.

Já a insulina, hormônio que influencia no crescimento junto com a testosterona podem aumentar as trocas metabólicas em até 15%. A temperatura do corpo também se altera. Depois das refeições, o metabolismo aumenta em um intervalo de 2 a 10 horas. Esse tipo de ação após a ingestão dos alimentos ocorre porque a digestão, a absorção e assimilação dos alimentos exige energia.

  • No organismo humano, algumas condições basais devem ser analisadas:
  • Exercícios musculares ausentes
  • Repouso total
  • Temperatura neutra
  • Jejum de 12 horas
  • Temperatura dentro da normalidade.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados