Colégio Web

Socialismo

Publicidade

O que é Socialismo ? 

É apenas aquela forma de governo que foi adotada nos países do Leste Europeu e que ruiu no início da década de 90 ? É o regime de Cuba que resiste heroicamente, no quintal dos EUA ? Ou aquele tipo de estrutura adotada na China ? Eu achei melhor, ao invés de explicar o que possa ser considerado ou não Socialismo, colocar links para uma série de site na Internet, onde cada um vai poder fazer uma análise daquiloo que se pensa, hoje, como socialismo, em suas várias colorações, do rosa (ou melhor "da rosa" da social-democracia ao vermelho do marxismo-leninismo). 

Esta não é uma forma de fugir ao debate, ao contrário é o melhor método de se colocar todas as cartas na mesa, e jogar limpo, mostrando que não são apenas aqueles que não tem nada, os que podem ganhar com o verdadeiro Socialismo.
O Socialismo é uma doutrina que prega a estatização dos meios de produção, e a falta de classes sociais, numa sociedade sem desigualdades. 

A utopia igualitária já esteve presente por todos os cantos, desde o cristianismo primitivo, passando pelos puritanos da revolução inglesa do século XVII, até as lutas por melhores salários dos trabalhadores das primeiras fábricas européias, nos séculos XVIII e XIX. Essas lutas, aliás, sinalizavam o surgimento de um novo sistema, inicialmente na Europa Ocidental: o capitalismo, com duas novas classes – a burguesia, dona dos meios de produção e capital e o proletariado, responsável pelo funcionamento das máquinas, donos de sua força de trabalho. E, ao contrário das outras classes marginalizadas ao longo da história, este proletariado detinha o poder de parar a produção, ao cruzar os braços, em greve. 

O surgimento do proletariado trouxe consigo novas ideologias voltadas para a redenção da classe, como o anarquismo e o socialismo. Os socialistas desenvolveram várias teorias sobre como chegar ao poder através de movimentos populares. Foram dois teóricos alemães, Karl Marx e Friedrich Engels, que formularam uma proposta mais acabada de socialismo, no fim do século XIX. 

Para Marx, o proletariado aparecia como a única classe social capaz de destruir de uma vez por todas a exploração do homem pelo homem, ao destruir o capitalismo, chegando ao poder pelo caminho da revolução. No poder, os trabalhadores se encarregariam de eliminar as diferenças sociais, o que assinalaria a passagem do socialismo ao comunismo.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados