Colégio Web

O pâncreas e as adrenais

Publicidade

12. O pâncreas e as adrenais

O pâncreas é uma glândula do sistema digestivo com aproximadamente 15 cm. Esta glândula apresenta duas partes, uma exócrina e outra endócrina.

A parte endócrina produz a insulina e o glucagon e a parte exócrina produz o suco pancreático.

Insulina

É um hormônio produzido por células do pâncreas. Sua função é regular o açúcar no sangue e a produção glicogênio no fígado, além de estimular os tecidos a absorverem o açúcar. Chamamos de hipoinsulinismo a deficiência na produção de insulina, e em decorrência disso, será desenvolvida a doença chamada diabete.

O hiperinsulinismo é a produção excessiva de insulina, que provoca a hipoglicemia.

           

Glucagon
 

Ao contrário da insulina, o glucagon aumenta a glicemia no sangue.

Quando ocorre a falta de glicose na corrente sanguínea o glucagon é liberado, e entra em ação, restabelecendo a glicemia normal.

12.1 Adrenais ou supra-renais 

As adrenais ou supra-renais são glândulas que estão localizadas na parte superior aos rins. São formadas por duas regiões distintas: o córtex e a medula. 

A medula supra-renal é responsável pela síntese e liberação dos hormônios adrenalina e noradrenalina

O córtex da adrenal secreta os hormônios aldosterona e cortisol.

A aldosterona tem a função de regular o metabolismo salino, para isso ela provoca um aumento na reabsorção do sódio  e excreção renal do potássio, e consequentemente ocorre uma reabsorção maior de cloro.

O cortisol aumenta a concentração de glicose no sangue. É também um hormônio fundamental para o metabolismo das proteínas e gorduras, provocando a síntese de glicose a partir dessas proteínas.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados