Colégio Web

Obesidade eleva em até 40% risco de câncer em mulheres

Publicidade

Estar muito acima do peso já é por si só um problema por conta das pressões que a sociedade faz para as pessoas para que todos tenham o corpo sarado e em forma exatamente como as celebridades apresentam.

Por isto, a obesidade é um mal que está sendo cada vez mais combatido pelas pessoas, que procuram entrar em forma para evitar ter uma imagem inadequada frente à sociedade e para se sentirem melhores com seus próprios corpos.

No entanto, quando olhamos para questões de saúde, fica cada vez mais claro que a obesidade também não é uma coisa boa por diversos aspectos, sendo a causadora de uma série de problemas importantes.

Um estudo recente acaba de sugerir que a obesidade pode elevar em até 40% as chances de uma mulher desenvolver câncer, sendo que, ainda segundo este estudo, as chances são maiores de que a mulher obesa desenvolva 7 tipos de câncer específicos.

Obesidade eleva em até 40 risco de câncer em mulheres

Mais um motivo para emagrecer

A organização britânica Cancer Research UK organizou uma pesquisa/estudo que sugere como resultado, que a obesidade pode aumentar os riscos de desenvolvimento de câncer em mulheres em até 40%.

Este estudo sugere também que os riscos incidem sobre 7 tipos de câncer: de intestino, de pâncreas, de rins, de vesícula biliar, de mama (depois da menopausa), de útero e de esôfago.

Com isto, fica um alerta para as mulheres, já que agora há mais um motivo (e que motivo!) para emagrecer, já que há questões de saúde envolvidas na questão da perda de peso.

Causas

Obesidade Mulher

Para justificar porque as mulheres podem ter até 40% a mais de chances de desenvolver os 7 tipos de câncer apenas por conta da obesidade, os pesquisadores britânicos deram algumas causas.

A principal tem a ver com a possibilidade de relação entre estes tipos de câncer citados anteriormente e a produção de hormônios em células de gordura, com especial destaque para o estrogênio.

Os pesquisadores estão começando a colocar o estrogênio como um dos grandes vilões, já que para eles, este hormônio funciona como uma espécie de combustível para o desenvolvimento dos diferentes tipos de câncer citados anteriormente.

Foram analisadas neste estudo nada menos do que mil mulheres obesas de diferentes idades, e foi constatado que 274 tinham mais chances de desenvolver câncer em algum momento de suas vidas.

Em contrapartida, outras mil mulheres com peso considerado normal também foram analisadas, e foi constatado que 194 delas tinham chances de desenvolver câncer durante a vida.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados