Colégio Web

Joaquim Manuel de Macedo

Publicidade

JOAQUIM MANUEL DE MACEDO (São João do Itaboraí, RJ, 1820 – Rio de Janeiro, 1882).

NASCIMENTO E MORTE – Nasceu em São João do Itaboraí, Rio de Janeiro, em 24 de junho de 1820. Faleceu em 11 de abril e 1882.

MEDICINA – Formou-se pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, em 1844. Neste mesmo ano, publicou o romance A Moreninha que lhe trouxe logo prestígio e lhe decidiu o rumo a seguir: pouco vocacionado para a atividade médica, entregou-se ao jornalismo e à política.

POLÍTICA – Aproveitou a popularidade que lhe trouxe a novela A moreninha e fez-se deputado por várias legislaturas. Ingressou no magistério (professor de História e Geografia no Colégio Pedro II).

ADMIRAÇÃO DOS LEITORES – Macedo foi uma figura popular, admirado por todos os leitores do Rio de Janeiro de sua época. Tudo isto graças ao esquema novelesco, sentimental ou cômico, que descobriu para os seus livros: o namoro difícil ou impossível, o mistério sobre a identidade de uma figura importante na intriga, o conflito entre o dever e a paixão, as galhofas de estudantes.

SUCESSO – Produziu dezoito romances, mas apenas dois foram lidos e admirados: A Moreninha e O Moço Loiro.

OBRAS
1. A Moreninha (romance, 1844)

2. O Moço Loiro (romance, 1845)

3. Os Dois Amores (romance, 1848)

4. Vicentina (romance, 1853)

5. A Luneta Mágica (romance, 1869)

6. A Namoradeira (romance, 1870)

7. Mulheres de Mantilha (romance, 1871)

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados