Colégio Web

Como a Gramática está dividida?

2Compreender o papel da Gramática na aprendizagem nem sempre é tarefa fácil. Se em algumas línguas ela é bem simplificada, já em outras ocorre toda uma reunião de regras que fazem com que o estudante desenvolva uma aversão à aprendizagem. É o caso, por exemplo, da Gramática da Língua Portuguesa. Escrever de acordo com essa norma culta não é uma realidade para a grande maioria. E, mesmo os escritores, em alguns momentos brincam com o grau de dificuldade imposto pela nossa Gramática.

Publicidade

Por outro lado, não podemos cair no pessimismo ou acomodação justamente pelo fato de que a Gramática nos auxilia em diversos momentos: na formação, na aprovação de um concurso ou mesmo para nos comunicarmos bem com diferentes interlocutores. E se você não compreende bem a Gramática do seu idioma, como poderá aprender outros idiomas? Muitas pessoas falam razoavelmente bem, mas possuem diversas dúvidas na escrita. Chegam, inclusive, a cometer erros graves.

Outra dificuldade em relação à Gramática Portuguesa diz respeito à sua extensão. São conteúdos imensos que muitos alunos não conseguem acompanhar com a devida atenção. Uma importante dica nesse aspecto está relacionada ao fato de você tentar compreender de qual parte da Gramática está sendo originado cada assunto. Sim, pois a Gramática está dividida em partes específicas. E então, vamos compreender essa divisão?

FONOLOGIA: diz respeito a todas aquelas inúmeras regras do “x”, “ch”, “s”, “z” e as tantas letras do alfabeto. O encontro vocálico, o dígrafo, a divisão das sílabas e outras particularidades. E também as regras de acentuação. São diferentes assuntos para apenas uma área da Gramática. O termo fonologia vem do grego. Fono quer dizer som, voz. E logia? Representa o estudo, o conhecimento.

MORFOLOGIA: você se lembra da formação das palavras? Elas podem ser derivadas, compostas, chegam de diferentes classes gramaticais. As mais estudadas são o adjetivo, o substantivo e o advérbio. Toda essa classificação é denominada de morfologia. É ela quem vai estudar a particularidade de cada classe.

1SINTAXE: lembram do termo da análise sintática na escola? Muito comum quando estamos estudando a Língua Portuguesa, não é verdade? A sintaxe diz respeito às orações, frases, sujeitos, períodos, objetos e complementos para a formação das orações. É o caso de toda a classificação verbal, apostos, vocativos e afins. Esses elementos são conhecidos para a nossa realidade? Sim? Mas na sintaxe, eles serão destrinchados. É assim que eles serão relacionados para que se compreenda os seus papéis de forma isolada ou em parceria com outros termos.

Compreenderam porque a tal da Gramática é tão extensa? Mesmo com essa divisão, ainda temos dificuldades de aprofundá-la de forma mais simples. É justamente a simplificação que faz com que a Gramática de outras línguas seja mais rapidamente assimilada.

Mais recentemente, outras regras gramaticais passaram a vigorar no Brasil. Foi um momento em que várias críticas surgiram, justamente pelo fato dessa modificação influenciar ainda mais na assimilação de regras. O fato é que para dar conta do recado de forma mais eficaz, não há outra alternativa que não os estudos.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados