Colégio Web

Quem é Eduardo Cunha?

Publicidade

Eduardo Cunha está entre os políticos brasileiros do PMDB mais conhecidos. Muitas pessoas o conhecem como deputado federal e têm conhecimento de seus projetos e planos para o futuro brasileiro. Porém, o que poucos sabem é a respeito de sua biografia. Quando e onde nasceu, como foi a sua vida, enfim. Tudo isso e mais um pouco você vai descobrir agora, nesse artigo exclusivo sobre “quem é Eduardo Cunha”. Veja:

Biografia de Eduardo Cunha

Eduardo Cunha

Eduardo Cosentino da Cunha, mais conhecido como Eduardo Cunha, nasceu em 20 de setembro de 1958, no Rio de Janeiro. Ele é filho do casal Elcy Teixeira da Cunha e Elza Cosentino da Cunha. Cunha é pai de quatro filhos e casado com a jornalista Cláudia Cruz.

O carioca é economista, radialista e mais recentemente, um político brasileiro, que vem se tornando deputado federal pelo PMDB do Rio de Janeiro. Além disso, ele também é presidente da Câmara dos Deputados desde fevereiro desse ano.

Cunha é um evangélico fiel a igreja neopentecostal Sara Nossa Terra e também um fiel seguidor do bispo Robson Rodovalho.

Carreira profissional

Cunha começou a sua carreira profissional bem cedo, já que aos 14 anos, já trabalhava como corretor de seguros. Trabalhou ainda como auditor na empresa Arthur Andersen entre os anos de 1978 a 1980, ano em que se graduou em economia pela Universidade Candido Mendes, e atuou ainda como economista na Xerox do Brasil entre os anos de1980 e 1982.

Sua carreira profissional, tanto na política como em outras áreas foram bem extensas. Seu primeiro contato com a política aconteceu quando trabalhava para as campanhas de Eliseu Resende, candidato ao governo mineiro pelo PDS durante a eleição de 1982, e também o Moreira Franco, candidato ao governo fluminense pelo PMDB no pleito do ano de 1986. A partir daí, Cunha não deixou mais a política de lado.

Cunha Eduardo

Cunha é um filiado ao Partido da Reconstrução Nacional e foi presidente da Telerj durante o governo de Collor. Pelo Partido Progressista Brasileiro, ele foi responsável por comandar a Cehab durante o mandato de Anthony Garotinho.

Assim, foi quando ele resolveu se candidatar pela primeira vez a um cargo eletivo, no ano de 1998. Cunha foi eleito suplente de deputado estadual do Rio de Janeiro e assumiu uma vaga na Alerj em 2001. Depois, se elegeu deputado federal em 2002, ainda pelo PPB. Novamente, reelegeu-se em 2006 e 2010, pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro.

Já em outras áreas, como radialista, ele exerceu a profissão, atuando em sete rádios FM nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Piauí e também no Paraná.

Posições políticas

Cunha é considerada um político extremamente religioso, afinal, é assumidamente evangélico e, por isso, é considerado um dos parlamentares mais conservadores do país. No Congresso Nacional desde o ano de 2003, Cunha é um verdadeiro defensor dos valores tradicionais como, por exemplo, se posiciona contra a união estável homo afetiva, descriminalização do aborto e da maconha no Brasil, entre outros valores.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados