Colégio Web

Dilma lança pacote anticorrupção

Publicidade

Poucos dias depois de mais de 1 milhão e meio de pessoas em todo o Brasil sair às ruas para protestar contra a corrupção e contra o governo federal atual, com destaque para São Paulo, que colocou 1 milhão de pessoas na Avenida Paulista (segundo estimativas), a presidente Dilma preparou a resposta: mais um pacote.

Nesta semana, a presidente Dilma Rousseff anunciou o lançamento de um pacote anticorrupção para aplacar um pouco a ira de milhões de brasileiros que estão descontentes com a situação atual do país.

Compromisso contra a impunidade

Dilma lança pacote anticorrupção

Ao anunciar o lançamento de um pacote com medidas anticorrupção, a presidente Dilma Rousseff fez questão de afirmar que tem um compromisso total contra a impunidade, e que em seu governo, este tipo de coisa irá sofrer retaliações.

Dilma também fez questão de ressaltar que a corrupção não foi invenção de seu governo, e que ela tem tomado medidas para expurgar este mal, que segundo suas próprias palavras, é um mal que o Brasil carrega “há séculos”.

Dilma prosseguiu defendendo seu governo dizendo que “o sistema patrimonialista de poder no Brasil sempre confundiu público e privado”, e para combater isto, é necessário atacar com força, com medidas realmente relevantes, que segundo ela, estão neste pacote anticorrupção.

Tudo parte de uma estratégia

Assim como aconteceu em 2013, logo após as manifestações em série que ocorreram em diversas capitais, por motivos distintos, mas com um foco em especial: a corrupção e a classe política como um todo, também desta vez, Dilma decidiu usar uma estratégia.

A estratégia daquela vez foi discursar reforçando que é bonito ver como hoje o país pode sair às ruas para protestar contra algo, e também dizendo que é preciso ouvir as vozes das ruas.

Dilma pacote anticorrupção

No entanto, naquela oportunidade, Dilma anunciou que iria levar a plebiscito a ideia de fazer uma reforma política no país, o que acabou não sendo feito até hoje (vale lembrar que uma eleição ocorreu neste meio tempo).

Desta vez, a estratégia de Dilma para responder aos protestos e às manifestações que tomaram conta de algumas das principais capitais do Brasil inteiro foi a de anunciar o lançamento de um pacote anticorrupção.

Dilma novamente disse que é preciso ouvir as vozes das ruas e que é louvável ver como hoje em dia é possível às pessoas sair às ruas para protestar contra algo, exatamente como disse em 2013. Resta saber se desta vez é de verdade, ou se mais uma vez será balela.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados