Colégio Web

Absorção de nutrientes minerais

Publicidade

9. Absorção de nutrientes minerais

As plantas não necessitam somente de hidrogênio, oxigênio e carbono, mas também necessitam de altas quantidades de azoto, fósforo, potássio, enxofre, cálcio e magnésio, que são denominados macronutrientes.

No entanto, necessitam de baixas quantidades de boro, manganês, zinco, cobre molibdênio, ferro e cloro, que são denominados micronutrientes.

Além destes nutrientes que são essenciais, há alguns outros que servem de complemento para o crescimento vegetal da planta, que é o Cobalto (Co) e o Alumínio (Al), e outros que podem ser substituídos por outros elementos que é o Estrôncio (Sr) e o Cálcio (Ca).

Os nutrientes são absorvidos pelas células da raiz, e por meio do transporte ativo são conduzidos ao xilema.

Assim que forem absorvidos pela raiz, os nutrientes transitam por meio do apoplasto e do simplasto. Quando atingem a endoderme, os nutrientes devem atravessar uma barreira, a estria de Caspary, que é impermeável ao apoplasto, sendo assim, os nutrientes só pode atravessar através do simplasto. Quando finalmente vencem a barreira, e chegam ao xilema, os nutrientes retornam ao apoplasto.

As plantas perdem água durante a transpiração e recupera por meio da absorção. Quando há pouca ou nenhuma transpiração, o xilema desenvolve a pressão positiva, pois a absorção de nutrientes é constante.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados