Colégio Web

A célula vegetal é um osmômetro

Publicidade

6. A célula vegetal é um osmômetro

A estrutura da célula vegetal contém elementos que agem de forma semelhante a um osmômetro. Portanto, se afundarmos a célula vegetal em água destilada, a tendência dessa água é penetrar para o interior da célula, pois a pressão da água do suco vacuolar é menor e mais concentrado do que a pressão do solvente.

Porém, há também uma pressão no interior da célula vegetal, chamada de pressão osmótica do suco vacuolar (P.O.) ou sucção interna da célula (Si). Esta pressão auxilia a entrada de água do meio para o interior da célula.

Quando a água chega até o vacúolo, ela exerce a ação de distensão sobre ele, originando uma pressão sobre a membrana celular, chamada pressão de turgor (P.T.).

A membrana celular se distende até quando ela exerce uma pressão em oposição ao movimento da água para o interior da célula, que é chamada de resistência da membrana celulósica (M).

A diferença entre a pressão osmótica (P.O.) e a pressão de turgor (P.T.), é o déficit de pressão celular (D.P.D.) ou sucção celular (Sc). A transposição da água para a célula vegetal célula depende do D.P.D

Equação do movimento da água em células vegetais:

A célula vegetal aparece dissolvida quando:

A célula vegetal perderá o viço quando:

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados