Colégio Web

Livro de Monteiro Lobato não será suspenso das escolas

Publicidade

De acordo com decisão emitida pelo Supremo Tribunal Federal, o livro do Monteiro Lobato, chamado “Caçadas de Pedrinho”, não poderá ser suspenso das escolas e das bibliotecas dentro de instituições públicas de ensino. O pedido de liminar que visava banir a publicação das escolas foi negado pelo ministro Luiz Fux.

Livro de Monteiro Lobato não será suspenso das escolas

O pedido de liminar foi feito pelo Instituto de Advocacia Racial. No texto encaminhado as autoridades, o instituto alega que o livro possui uma série de conteúdos considerados racistas. O caso começou a tramitar no Supremo no ano de 2011. A disputa acontecia entre o Ministério da Educação e o Instituto, já que o órgão do governo não aceitava as alegações do Instituto para remover os livros.

Polêmica

No ano de 2010 o conteúdo do livro também já havia sido questionado pelo Conselho Nacional de Educação, que na época já havia emitido uma decisão para que a publicação não fosse mais distribuída às escolas públicas. O motivo também teria sido os possíveis conteúdos que podem ser considerados de cunho racista que estão inseridos dentro da história.

Livro de Monteiro Lobato não será suspenso das escolas 2

O livro Caçadas de Pedrinho foi publicado originalmente no ano de 1933 e está inserido dentro do universo do Sítio do Picapau Amarelo, criado por Monteiro Lobato. A história está focada na procura de uma onça-pintada. Dentre os trechos que causam polêmica estão alguns onde a personagem Tia Nastácia é chamada de negra.

Um dos trechos diz o seguinte: “Tia Nastácia, esquecida dos seus numerosos reumatismos, trepou que nem uma macaca de carvão”.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados