Colégio Web

Interdisciplinaridade é o futuro das Universidades no Mundo

Publicidade

Antigamente, o Ensino Superior era pouco acessível para as pessoas. Apenas quem tivesse muito dinheiro ou quem estudasse bastante poderia realizar um curso de graduação de qualidade. No entanto, de um tempo para cá isso mudou, pois há faculdades mais baratas, prontas para servir quaisquer públicos-alvo, além de mais universidades públicas disponíveis para todos, seja por vestibular próprio ou pelo ENEM.

O mais interessante é que junto a esta maior acessibilidade do Ensino Superior, mudanças estão ocorrendo aos poucos no método de ensino. As grades curriculares das Faculdades e Universidades sempre foram bastante rígidas, ou seja, todos os alunos não tinham escolha a não ser seguir o programa do curso escolhido. No Mundo, atualmente, o mercado de trabalho pede para que os profissionais sejam cada dia mais completos a fim de realizarem mais atividades, nas mais diversas áreas e com as mais distintas metas e objetivos. Por isso, algumas universidades estão trabalhando com a interdisciplinaridade, inclusive o Brasil.

3 benefícios das graduações interdisciplinares

Interdisciplinaridade é o futuro das Universidades no Mundo

Um curso de graduação interdisciplinar é aquele em que o estudante pode estudar outras disciplinas e áreas de atuação sem perder o caminho para a sua formação escolhida. Resumindo: além de saber tudo sobre a área que mais ama, também terá conhecimentos sobre as áreas mais diversas que compõem a Universidade. A UFABC – Universidade Federal do ABC – é a principal instituição de ensino do Brasil que trabalha sobre esta ideia. No Mundo, Hong Kong é um local que está reformulando todas as Universidades; em Cingapura, a principal Universidade já está nestes moldes; e assim está indo esta dura e grande alteração.

Veja como estas mudanças para nós, discentes, trazem resultados positivos em curto e longo prazo!

1# – Base sólida de conhecimento

Foi-se o tempo em que um matemático era aceito com suas defasagens em português, e vice-versa. O mundo está competitivo; não há mais espaço para falta de informação, pois outros profissionais engolem os mais fracos. Logo, saber de tudo um pouco e muito do principal é um caminho muito interessante para obter sucesso. Além disso, com a interdisciplinaridade, você constituirá uma base bastante sólida sobre o que há de mais importante no nosso dia-a-dia.

Um estudo mostrou que muitos profissionais estão trabalhando fora da área em que se formaram no ensino superior. Interessante, não?

2# – Melhor escolha da área de atuação

Aos 18 anos, todos pensam (e já pensaram) que eram adultos, sabiam tudo e estavam prontos para o Mundo. No entanto, depois de um tempo, percebem que não é bem assim. E isso é comprovado! Basta ver o número de pessoas que largaram seus respectivos cursos no primeiro, segundo ou terceiro ano para iniciar outra graduação. Então, com a interdisciplinaridade, você tem a liberdade de escolher diversas matérias de diversas áreas na mesma Universidade para que, então, possa fazer uma escolha mais inteligente do que deseja seguir na vida.

3# – Responsabilidade em dobro

Quem não tem autocontrole, sucumbe à liberdade de escolha das Universidades com interdisciplinaridade, pois acabam se perdendo no meio do caminho, sem escolher uma grade que propicie conhecimento e formação no prazo de estudo estipulado. Escolher o que deseja estudar não é uma tarefa fácil. Sempre acostumamos com as escolas nos dando as matérias, não é? A mudança é boa, mas complicada.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados