Colégio Web

Estudo revela que mesmos genes favorecem matemática e leitura

Publicidade

Uma pesquisa publicada esta semana na importante revista “Nature Communications” revelou que os mesmos genes humanos favorecem tanto a habilidade para a matemática quanto a habilidade para a leitura. Apesar de reconhecer o importante fator genético, o estudo também afirma que o meio pode ser decisivo para o desenvolvimento de qualquer uma destas habilidades nos estudantes.

Estudo revela que mesmos genes favorecem matemática e leitura

A pesquisa foi conduzida por cientistas do King’s College de Londres, que utilizaram os dados do chamado Estudo do Desenvolvimento Precoce dos Gêmeos para tentar entender qual seria a influência dos genes nas habilidades de leitura e cálculo de adolescentes de 12 anos. De acordo com as informações que foram divulgadas no relatório final, foram pesquisadas 2800 famílias britânicas.

Os testes foram feitos em cima da leitura de genes de gêmeos, com base na leitura e também na matemática, sempre seguindo as exigências do sistema educativo britânico. Com base na combinação dos resultados desses testes os cientistas conseguiram chegar à conclusão de que existe uma sobreposição significativa para a leitura e para os números nos mesmos genes.

Meio também é importante

Estudo revela que mesmos genes favorecem matemática e leitura 1

Mas os estudos também revelam que é importante o meio para o desenvolvimento dos estudantes em quaisquer das habilidades citadas. Como meio entende-se tudo que ronda o estudante durante seus anos de escola, e isso inclui a criação dos pais, as escolas onde eles são educados, dentre outros.

Os pesquisadores afirmam que o fato das dificuldades que as crianças podem apresentar nos estudos ter influência genética não significa que isso não seja imutável, mas sim de que os pais poderão ter que se esforçar mais para que os estudantes consigam aprender.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados