Colégio Web

Escolas do Pronatec reclamam de pagamento atrasado

Publicidade

As escolas que oferecem cursos técnicos para estudantes dentro do programa Pronatec reclamam do atraso no repasse de verbas de parte do Ministério da Educação. Segundo as informações que foram apuradas pela imprensa, as aulas dadas deixaram de ser pagas desde outubro do ano passado.

Visita à Fundação Weiss Scarpa. Curitiba 18-05-2012.  foto Mauro Frasson.

Os donos das escolas privadas estão enfrentando sérias dificuldades financeiras por causa da falta deste dinheiro. Muitos tiveram que recorrer aos empréstimos bancários para conseguir pagar as suas contas de final de ano e dar início ao ano letivo. Algumas também tiveram que adiar o pagamento dos salários dos professores.

Muitos diretores também declararam para a imprensa que suas instituições de ensino simplesmente deixaram o programa caso a situação permaneça desta forma. Muitas instituições acabaram recebendo o último pagamento do governo no mês de novembro, referentes as aulas que foram dadas no mês de setembro, provocando um rombo de quase três meses no orçamento.

MEC libera verba de emergência

Alunos de curso técnico em mecatrônica trabalham em oficina do Senai

O Ministério da Educação confirmou o atraso no repasse das verbas em uma nota emitida para a imprensa nesta semana. O MEC afirmou também que tinha conseguido a autorização para liberar R$ 119 milhões para regularizar o fluxo de pagamento referente às mensalidades de 2014 para instituições privadas.

A nota do Ministério da Educação não informa quais foram os motivos que levaram ao atraso no repasse de verbas, mas afirma que o cronograma de pagamentos deste ano ainda está dentro do prazo previsto, já que de acordo com o órgão o pagamento da parcela pode ser feito em até 45 dias após o vencimento do mês de referência.

 

 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados